Menu
SADER_FULL
RIO_DOURADOS
Busca
SUCURI_MEGA
CULTURAMENSE DESTAQUE NA CAPITAL

‘Capoterapia’ é desenvolvida na Capital e Mestre Elias fala do sonho de construir Sede em Culturama

1 Jul 2017 - 09h23Por ROGÉRIO SANCHES / FÁTIMA NEWS

O Culturamense nato e de coração, Mestre Elias Couto, presidente da ACCRS (Associação Cultural da Capoeira Raios de Sol), está desenvolvendo um belo trabalho na Capital do Estado de Mato Grosso do Sul, Campo Grande.

Mestre Elias Couto já por muitos tempo vem desenvolvendo um trabalho voltado mais para a terceira idade, denominado “Capoterapia”, trabalho esse que se iniciou no distrito de Culturama, município de Fátima do Sul e que agora está sendo realizado em Campo Grande (MS) pelo Mestre Elias.

Essa semana, Mestre Elias usou das rede sociais (facebook), para anunciar e pedir a participação de todos para a construção de uma sede no distrito de Culturama. A mensagem diz assim: “AH, SONHO MEU...Todos temos sonhos. O meu, embora simples para os políticos, está difícil de ser realizado. Meu sonho é a CONSTRUÇÃO DO CENTRO DE CAPOTERAPIA da ACCRS no Dist. de CULTURAMA. Vamos todos fazer parte desta obra! Clique: ⏩http://www.jmconstrutorams.com.br/responsabilidade-social/”.

Mestre Elias Couto é apaixonado pelo distrito e via celular disse ao Fátima News da luta para que seu sonho seja realizado “Estamos trabalhando firme e forte para juntos construir o nosso centro de capoterapia da ACCRS no nosso querido distrito de Culturama. Já desenvolvemos esse projeto lá no distrito, todos abraçaram e gostaram das aulas, em especial, os idosos que usam da capoterapia para superar a depressão e problemas de saúde, apenas com os exercícios. Vamos continuar trabalhando para que nosso sonho seja realidade”, finalizou Mestre Elias.

Um grupo de idosos de Campo Grande -MS passou a utilizar a capoeira como terapia. A capoterapia, nome dado à atividade pelos participantes, já fez com que muitos dos alunos conseguissem superar a depressão e problemas de saúde apenas com o exercício.

A capoeira é a arte trazida para o Brasil pelos escravos e que, aos poucos, se tornou parte de cultura do país.

Cada vez mais pessoas descobrem que para praticar a capoeira não importa a idade. Em uma roda de capoeira em os idosos encontraram um novo estímulo para aproveitar a vida.

Todos têm mais de 60 anos e escolheram entrar no ritmo. Os idealizadores da iniciativa adaptaram o esporte para a terceira idade. As aulas de capoterapia buscam fazer exatamente o que o nome revela: terapia por meio da capoeira.

COMO TUDO COMEÇOU

A Capoterapia foi criada pelo Mestre Gilvam de Brasília - DF - em 1998 e hoje atende mais de 50 mil adptos em todo o Brasil. 

O Mestre Elias Couto trouxe a Capoterapia para o MS em 2015.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ALERTA GERAL
Mulher internada em Naviraí contraiu gripe H3N2 após passagem pela Capital
Desaparecido
Garoto desaparece em área rural e polícia encontra pegadas de onça
Arrombamento
Ladrões arrombam janela e furtam agência dos Correios de Anaurilândia
DOURADOS - ITALÍNEA MÓVEIS PLANEJADOS
Você já conhece o nosso revestimento PET? O plástico PET confere à madeira, na Italínea Dourados
FÁTIMA DO SUL - NA TRIBUNA
Diego Carcará reivindica por término de pavimentação asfáltica em diversas ruas de Fátima do Sul
Maniaco Sexual
Homem é preso por abusar sexualmente de menina que queria adotar
Lava Jato
Ministros do STF admitem possibilidade de soltura e candidatura de Lula
Brincadeira Fatal
Tragédia: bebê morre esmagado durante brincadeira com carro da família
CONTRABANDO
Homem é preso com 450 mil maços de cigarros e caminhão roubado
Execução
Homem tenta correr, mas é executado no meio da rua