Menu
SADER_FULL
quarta, 17 de outubro de 2018
LIMIT ACADEMIA
Busca
ITALÍNEA
TRAGÉDIA

Homem mata quatro crianças que eram mantidas reféns e se mata

Uma tragédia foi registrada na noite desta segunda-feira (11) após 21 horas de negociações da polícia.

13 Jun 2018 - 14h55Por Massa News

Uma tragédia foi registrada na noite desta segunda-feira (11) após 21 horas de negociações da polícia. A situação iniciou na noite de domingo em Orlando na Flórida, quando os policiais receberam um chamado para um caso de violência doméstica em que uma mulher afirmava que o namorado dela havia espancado-a. Ao chegar no local os policiais tentaram realizar a abordagem e foram recebidos a tiros. Um dos policiais foi baleado e socorrido em estado gravíssimo.

O atirador identificado por Gary Lindsay Jr. entrou em sua apartamento e fez quatro crianças de 1, 6, 10 e 11 anos reféns. Duas das crianças eram seus filhos, porém não foi revelado quem seriam as outras duas crianças.

Houve um grande cerco policial e equipes da SWAT iniciaram as negociações sem sucesso por 21 horas. Por volta das 20h30 dessa segunda-feira,  os policiais invadiram o apartamento e encontraram todos mortos. A causa da morte das crianças não foi revelado. O sequestrador foi encontrado morto dentro de um armário.

Gary já havia sido preso pelo menos outras duas vezes.

Deixe seu Comentário

Leia Também

GOLPISTA
Marido engana esposa durante anos fingindo ter câncer terminal
TRAGEDIA NA RODOVIA
Acidente entre carro e caminhão mata duas crianças e dois adultos no Paraguai
IRRESPONSABILIDADE
Motorista é suspenso por deixar macaco dirigir ônibus
SINISTRO
Americana 'se casa' com o noivo morto
OVNI
Objeto 'alienígena' aparece em praia dos EUA
SANGUE FRIO
Homem pedala 20 quilômetros até delegacia segurando cabeça decapitada
HONESTIDADE
Menino de nove anos recebe homenagem por devolver carteira com dinheiro
CORAGEM
Homem corta a própria mão fora depois de ficar preso em máquina de moer carne
ASSASSINATO
Corpo de brasileira é encontrado às margens de estrada no Paraguai
VIOLENCIA DOMESTICA
Brasileira agredida pelo namorado nos EUA faz alerta sobre relacionamento abusivo