Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
segunda, 21 de janeiro de 2019
LIMIT ACADEMIA
Busca
CANTINA BAH
dança dos técnicos

Luxemburgo não resiste à zona de rebaixamento e é demitido do Fluminense

11 Nov 2013 - 16h22Por Uol

Vanderlei Luxemburgo não é mais técnico do Fluminense. O treinador não resistiu ao nono jogo seguido sem vitórias no Campeonato Brasileiro e foi demitido na manhã desta segunda-feira pela diretoria tricolor após a derrota para o Corinthians por 1 a 0 na Fonte Luminosa, em Araraquara-SP, a terceira consecutiva. O técnico chegou a balançar no cargo nas últimas semanas, mas ganhou sobrevida. O treinador comandou o Tricolor por pouco mais de três meses.

A demissão poderia ter acontecido já há duas semanas, quando a diretoria resolveu mantê-lo após algumas reuniões que envolveram o presidente Peter Siemsen. Somente cinco dias após a derrota para o Vitória, que aconteceu num domingo, a permanência temporária do técnico foi assegurada. 

A saída do treinador representa um enfraquecimento do diretor executivo de futebol Rodrigo Caetano, já que o profissional não participou da reunião que definiu a demissão de Luxemburgo na manhã desta segunda-feira.

Na semana que antecedeu o clássico com Flamengo, a diretoria do Fluminense chegou a decidir pela demissão do treinador, mas voltou atrás após perceber a dificuldade de se mexer no comando da equipe às vésperas da partida com o rival.

A derrota de virada por 3 a 2 para o Vitória, no domingo, pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro, foi o estopim para a tensão que culminou na demissão após a derrota para o Corinthians. O time das Laranjeiras tinha um jogador a mais que o time baiano durante grande parte da partida disputada no Maracanã no dia 27 de outubro. O resultado foi definido como 'vergonhoso' por dirigentes do Tricolor.

Na noite em que ocorreu a derrota para o Vitória, o movimento político Flusócio, principal grupo de apoio ao presidente Peter Siemsen, pediu a saída do técnico em comunicado em seu blog oficial. No final da semana antes do clássico com o Flamengo, porém, o grupo recuou e apoiou a permanência do treinador em nova postagem. O revés para o Corinthians, no entanto, fez com que o movimento voltasse a pedir a cabeça do técnico.

Antes da derrota para o Vitória, Luxemburgo admitiu que pouco havia conseguido avançar no Fluminense e definiu o trabalho como ruim. O treinador tem aproveitamento parecido com o do antecessor Abel Braga neste ano. O técnico conseguiu apenas 38% dos pontos disputados em 26 jogos. Foram sete vitórias, nove empates e 10 derrotas na passagem do treinador pelas Laranjeiras.

Esta é a segunda vez que Vanderlei Luxemburgo é demitido em 2013. O treinador também foi dispensado pelo Grêmio em junho, após comandar o clube na Libertadores. O aproveitamento do comandante no time gaúcho neste ano foi de 52%, com 13 vitórias, oito empates e nove derrotas em 30 jogos.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ESPAÇO SAÚDE
Você malha demais?, este chá é o melhor amigo de quem sente dor muscular depois da musculação
EM CIDADE DO MS
Em MS, Estudante de medicina morre após jogar partida de futebol
DICA DE TURISMO E FÉRIAS
Dicas para curtir uma temporada em Arraial do Cabo
LUTO - ESPORTE
Morre Jackelyne da Silva, ginasta da seleção brasileira, aos 17 anos
ALERTA AOS PESCADORES
Lei proíbe a pesca e comercialização do Dourado por cinco anos no Estado
COPINHA
Douradense concorre a gol mais bonito da Copa SP
BOMBANDO - MUNDO DA BOLA
Ribery come bife banhado a ouro no valor de R$ 5 mil; Assista
PRAIAS DOCE NO MS
Praias doces na costa leste de MS surpreendem pela beleza e são opção para férias
VÍDEO - AQUIDAUANA - MS
VÍDEO: Morro Paxixi e Morro Chapeu na MS-450 em Aquidauana - Imagens aéreas
MAIS UM DO MS EM BRASÍLIA
Secretário especial do Esporte é mais um nome de MS no governo Bolsonaro