SUCURI_MEGA
FatimaNews - Notícias de Fátima do Sul e região
Fátima do Sul, 19 de Novembro de 2017
DELPHOS_FULL
5 de Julho de 2017 09h24

Governo Temer estuda fim do abono salarial

Para a equipe econômica, o abono salarial, criado na década de 1970, não se justifica mais.

Yahoo
Imagem PixabayImagem Pixabay

A equipe econômica estuda acabar com o pagamento do abono salarial caso a votação da reforma da Previdência não vá adiante no Congresso. Seria uma alternativa para cortar despesas e garantir o cumprimento do teto de gastos, segundo informações do jornal O Estado de S. Paulo.

O benefício é pago anualmente aos trabalhadores inscritos no PIS/Pasep há pelo menos cinco anos e que têm rendimento mensal de até dois salários mínimos. Neste ano, custará R$ 17 bilhões aos cofres públicos.

De acordo com o “Estadão”,  embora o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, acredite na possibilidade de as novas regras para aposentadorias e pensões serem aprovadas ainda neste ano, sua equipe já considera alternativas a serem adotadas caso isso não ocorra.

Para a equipe econômica, o abono salarial, criado na década de 1970, não se justifica mais. O argumento é de que, naquela época, não havia política de valorização do salário mínimo ou rede de proteção social.

Comentários
Veja Também
LIMIT ACADEMIA_BOTTON
SADER_LATERAL
LÉO_GÁS_300
Últimas Notícias
  
FARMÁCIA_CENTROFARMA_300
Eventos
dothCom © Copyright FatimaNews - Todos os Direitos Reservados.