Menu
SADER_FULL
RIO_DOURADOS
Busca
SUCURI_MEGA
4ª alta seguida

Dólar sobe mais e fecha a R$ 3,44, maior valor desde junho

14 Nov 2016 - 16h41Por G1

O dólar fechou em alta pelo 4º pregão seguido nesta segunda-feira (14), no patamar de R$ 3,44, com o mercado ainda reagindo a um cenário de aumento de incerteza e revendo suas posições em países emergentes, como o Brasil, após a vitória de Donald Trump à Presidência dos Estados Unidos.

A moeda norte-americana subiu 1,43%, vendida a R$ 3,4408 – maior cotação de fechamento desde 16 de junho (R$ 3,47). Veja a cotação do dólar hoje.

Em 4 sessões (desde a eleição de Trump), a alta acumulada chega a 8,63%.

Na máxima do dia, o dólar bateu R$ 3,4752, com alta de 2,44%, segundo a agência Reuters.

Já a Bovespa operava volátil nesta segunda-feira (14), alternando pequenas altas e baixas. Veja a cotação

Acompanhe a cotação ao longo do dia:
Às 9h09, alta de 1,32%, a R$ 3,4371
Às 9h20, alta de 2,11%, a R$ 3,464
Às 9h39, alta de 1,7%, a R$ 3,4501
Às 10h09, alta de 1,31%, a R$ 3,437
Às 10h39, alta de 1,43%, a R$ 3,441
Às 11h29, alta de 1,42%, a R$ 3,4407
Às 11h50, alta de 1,27%, a R$ 3,4357
Às 12h10, alta de 1,05%, a R$ 3,4282
Às 12h19, alta de 1,42%, a R$ 3,4406
Às 13h19, alta de 1,74%, a R$ 3,4515
Às 15h19, alta de 1,68%, a R$ 3,4407

Às 16h19, alta de 1,43%, a R$ 3,4454

Efeito Trump
Por causa do feriado da Proclamação da República na terça-feira, o volume da sessão foi um pouco mais contido, segundo a Reuters.

"O mercado está bem atento ao que está acontecendo lá fora e o destaque é a alta bastante firme dos juros dos Treasuries [títulos do Tesouro dos EUA]", comentou o economista da corretora BGC Liquidez, Alfredo Barbutti, à Reuters.

Em sua campanha à Presidência, Donald Trump prometeu criação de empregos principalmente por meio de gastos em infraestrutura, o que pode gerar inflação e obrigar o Federal Reserve, banco central norte-americano, a ser mais agressivo em sua política de elevação das taxas de juros. Assim, as taxas de títulos futuros norte-americanos subiam, com destaque para os bônus de 10 anos.

Juros mais altos nos Estados Unidos têm potencial para atrair recursos aplicados em outros mercados, como o brasileiro, motivando, assim, uma tendência de alta do dólar em relação a moedas como o real. O dólar também subia frente a outras moedas de países emergentes nesta sessão, como o peso mexicano.

Deixe seu Comentário

Leia Também

MS Forte
Investimento na MS-156 diminui tempo da viagem pela metade
Culturama - APRAC
Presidente da APRAC de Culturama participa da Tecnofam 2018 em Dourados
AÇÕES DO GOVERNO DO MS
Obras avançam em Dourados onde Governo do Estado investe mais de meio bilhão de reais
DOURADOS - DR. SHAPE
Dourados: Comprando produto da Athletica Nutrition concorra a uma consulta nutricional na Dr. Shape
FÁTIMA DO SUL - PROMOÇÃO NA PASSARELA
Compre na Passarela materiais para construção e concorra 10 prêmios de R$ 1.000,00 em Fátima do Sul
Investimentos infra estrutura
Governo assina contrato para obras em Iguatemi e lança mais investimentos para Três Lagoas
VICENTINA - ALMOÇO NESTE SÁBADO
VICENTINA: Pesqueiro 7 Bello servirá almoço neste sábado feriado, o cardápio será o 'Frango Caipira'
JATEÍ - REFORMA DA CAPELA
Com recursos próprios, Eraldo entregará na sexta-feira (20), a reforma da Capela Mortuária em Jateí
FÁTIMA DO SUL - NA TRIBUNA
FÁTIMA DO SUL: Diego alerta sobre acidentes e renova pedido de mudar local de aulas das auto escolas
LOTERIAS NO BRASIL
Você conhece as loterias do Brasil?