Menu
SADER_FULL
RIO_DOURADOS
Busca
SUCURI_MEGA
MAUS-TRATOS

Mulher é encontrada suja de vômito e fezes e filho é autuado por maus-tratos

17 Nov 2016 - 14h47Por O ESTADO ONLINE

O filho de 32 anos acusado de torturar a própria mãe de 61 anos, foi autuado por maus tratos na noite de quarta-feira (17). Médicos plantonistas da UPA (Unidade de Pronto Atendimento) Leblon – região sul de Campo Grande – entraram em desacordo com o exame feito na idosa, o laudo oficial será divulgado após 30 dias. Desta forma, o caso não é tratado como abuso sexual. Quando a mulher foi encontrada, ela estava suja de vômito e de fezes.

Conforme a Deam (Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher), o primeiro médico que atendeu a idosa relatou ferimentos na região genital e queimaduras de cigarro na vítima, já o segundo profissional, relatou no exame que as feridas não teriam sido feitas por abuso sexual, sendo que a própria idosa poderia ter cometido por uma simples coceira.

A médica legista da delegacia foi acionada e o laudo oficial sobre as feridas foi feito e só fica pronto em 30 dias.

Vizinho chamou polícia após achar que idosa estava morta

A Polícia Militar foi acionada por um vizinho que olhou para a janela e avistou a idosa deitada na cama sem se mexer. Cerca de uma hora depois, ele percebeu que ela estava desacordada e achou que a vítima estivesse morta. A testemunha contou à polícia que viu o filho dar voltas pelo quarto de forma suspeita. À Polícia Civil, porém, o vizinho deu algumas declarações que divergiram de seu primeiro relato aos PMs e a polícia investiga a veracidade dos fatos.

Quando a PM chegou, a vítima estava desacordada, suja de vomito e fezes, além de ter sinais de queimaduras. O filho estava alterado e foi levado para a delegacia negando que abusava da mãe. Ela foi socorrida pelo Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) para UPA, onde passou por uma lavagem estomacal, pois havia ingerido grande quantidade de remédios.

A polícia está investigando se a idosa se automedicava ou foi induzida a tomar os remédios pelo filho, que a fez sofrer o desmaio.

A vítima ainda está internada na unidade médica e até o fechamento desta matéria não havia recobrado a consciência. Segundo a delegada Priscila Anuda Quarti, ela não foi declarada incapaz, então, logo depois de ser liberada pode retornar para a sua casa.

Já o filho, foi autuado por maus tratos, crime que não gera prisão em flagrante, por ser de menor potencial ofensivo. Apenas depois que o laudo, o inquérito será encerrado.

Deixe seu Comentário

Leia Também

FÁTIMA DO SUL - DIREITO DE RESPOSTAS
Em direito de resposta, Deputado informa aos vereadores sobre verbas destinadas para Fátima do Sul
FATALIDADE - NOVO VÍRUS
Advogada morre 15 minutos após dar entrada em PS com vírus H3N2 em cidade do MS
IRREGULARIDADES
MPF cobra R$ 22 milhões de Puccinelli e dois ex-secretários por falta de investimentos na saúde
RECEITA NUTRI DR. SHAPE
Nutri Dr. Shaper indica o mousse de morango com Whey Protein para não passar o feriado sem doce
JATEÍ - COM RECURSOS PRÓPRIOS
JATEÍ: Eraldo entrega reforma de Capela Mortuária 'mais conforto aos familiares no momento de dor'
ITAPORÃ - AÇÕES DO GOVERNO DO MS
Em Itaporã, população aprova qualidade das obras do Governo do Estado de MS
VICENTINA - ALMOÇO NESTE SÁBADO
VICENTINA: Pesqueiro 7 Bello servirá almoço neste sábado feriado, o cardápio será o 'Frango Caipira'
AÇÕES DO DEPUTADO ONEVAN
Onevan ouviu reivindicações e celebrou Dia do Índio em Amambai, Coronel Sapucaia, Tacuru e Sidrolând
Investimentos em Asfaltamento
Governo do Estado vai asfaltar MS-379 com investimentos de quase R$ 77,4 milhões
VICENTINA - EMENDAS PARA SAÚDE
Geraldo destina R$ 200 mil para aquisição de equipamentos para saúde de Vicentina