Menu
PASSARELA
quarta, 18 de julho de 2018
SADER_FULL
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Zeca orienta prefeitos eleitos para que façam reforma

26 Out 2004 - 08h35
O governo quer que as prefeituras façam ajustes, como redução de gastos com pessoal, para que sobre mais recursos para investimentos, a exemplo do que fez o Estado ainda no primeiro governo petista. Ontem à noite na reunião-jantar com prefeitos eleitos, vices e lideranças do PTB, o governador Zeca do PT pediu que os dirigentes municipais, que vão tomar posse em janeiro, redimensionem a administração das prefeituras.

A finalidade dessa reestruturação é tornar as parcerias mais amplas no setor social e na infra-estrutura dos 78 municípios sul-mato-grossenses. “Os prefeitos tem de fazer reforma administrativa”, afirmou Zeca. A necessidade de readequação das prefeituras também é uma exigência do Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF).

Entre os programas que o Governo Popular fará em conjunto com os municípios está o Asfaltamento Urbano, apresentado na reunião-jantar pelo diretor-presidente da Agência de Empreendimentos de Mato Grosso do Sul (Agesul), Carlos Augusto Longo, que explicou aos prefeitos, eleitos do Partido Trabalhista Brasileiro, como será executado o programa.

A previsão é de que seja pavimentado 1,12 milhão de m² de asfalto nas cidades-sede dos municípios, o correspondente a 140 quilômetros, com investimentos de R$ 42 milhões.

O superintendente de Orçamento e Programas, Paulo Guilherme Cabral, com intervenções pontuais do governo Zeca do PT, explicou aos prefeitos eleitos vices e dirigentes petebistas, a proposta orçamentária para 2005. Estão previstos para o próximo ano investimentos de R$ 4.039.947.700,00, incluindo todas as áreas, 16,7% a mais do que o orçamento aprovado ano passado, que está sendo executado este ano: R$ 3,4 bilhões.

No encontro, o secretário de Estado de Saúde, João Paulo Esteves, expôs, os investimentos que o Estado vem fazendo no setor nos municípios. Esteves disse que Mato Grosso do Sul é o sétimo no País em investimentos na área.

O secretário de Estado de Educação, Hélio de Lima, apontou a necessidade de se ampliar parcerias com prefeitos eleitos em projetos como o Curso Popular Pré-Vestibular (CPPV). Lima destacou a necessidade de trabalho em sinergia com as administrações municipais. “Só em parceria poderemos melhorar muito mais a educação."
 
 
Agência Popular

Deixe seu Comentário

Leia Também

AGORA EM DOURADOS - MS
UNIPAR EAD com cursos de Educação Física, Letras, Marketing e mais 22 cursos, Confira todos aqui
TRAGEDIA
Acidente chocante em Foz: casal morre na hora em batida
NOVELA GLOBAL
Aliada de Laureta, Rosa se vinga do pai e o humilha no restaurante em ‘Segundo sol’
GRANA
Governo antecipa primeira parcela do 13º de aposentados e pensionistas
NOVELA GLOBAL
'Segundo sol': Severo é preso e humilha Roberval
FUTEBOL PELO MUNDO
Real Madrid se recusa a permitir que Vinícius Júnior permaneça no Flamengo até o final de 2018
NOVELA GLOBAL
'Segundo sol': Luzia descobre que seu filho com Beto não morreu
CONCURSOS - OPORTUNIDADES
Concurso: 13 órgãos abrem as inscrições para 1,9 mil vagas nesta segunda
FOI SALVAR O MELHOR AMIGO
Jovem morre afogado após pular em rio para tentar salvar cachorro
EDUCAÇÃO - FIES - INSCRIÇÕES
Fies abre inscrições nesta segunda com 155 mil vagas para 2º semestre