Menu
SADER_FULL
domingo, 16 de dezembro de 2018
LIMIT ACADEMIA
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Zeca do PT avaliza Valter Pereira como coordenador de Dilma em MS

19 Jul 2010 - 14h37Por Fátima News com assessoria

Ao receber a declaração de apoio e voto em sua candidatura ao governo do estado, em ato promovido por  peemedebistas de Dourados e região, o candidato Zeca do PT agradeceu e reiterou que não tem o partido como adversário. Segundo Zeca, o PT e  o PMDB estão unidos em nível nacional em defesa das candidaturas de Dilma Rousseff e Michel Temer para presidente e vice-presidente da República.

 

 

“Nós respeitamos o PMDB, teve um papel estratégico na viabilidade do governo Lula, é sucedâneo do MDB que foi o mais importante partido na reconquista da democracia, na derrota da ditadura. Minha disputa é com uma pessoa que desrespeita o próprio PMDB, é contra a arrogância, a soberba, o autoritarismo. Disse isso para as dezenas de lideranças que estavam na reunião”, afirmou Zeca.

 

 

O candidato também anunciou que viaja na próxima quarta feira para Brasilia, quando se reúne  com o presidente nacional do PT, Zé  Eduardo Dutra, e à  coordenação nacional da  candidata a presidente Dilma Rousseff, e  levará seu aval para que  o senador  Valter Pereira seja o coordenador da campanha “da nossa candidata  e de Michel Temer no Mato Grosso do Sul”.

 

 

Zeca viaja na próxima semana a Brasília para tratar deste e de outros assuntos relativos à campanha.

 

 

Ainda no ato público peemedebista de apoio a sua candidatura, Zeca do PT sinalizou que  no governo  democrático e de coalização que quer montar tem espaço para o “ PMDB do bem que sempre  colaborou com o processo de redemocratização e tem hoje no Valter Pereira,  sua grande lideranças, além de diversos vereadores, prefeitos e ex-prefeitos, que não agüentam e nem concordam  mais com o ranço  do autoritarismo”.

 

 

 “Nós respeitamos o PMDB, teve um papel estratégico na viabilidade do governo Lula, é sucedâneo do MDB que foi o mais importante partido na reconquista da democracia, na derrota da ditadura. Minha disputa é com uma pessoa que desrespeita o próprio PMDB, é contra a arrogância, a soberba, o autoritarismo. Disse isso para as dezenas de lideranças que estavam na reunião”, afirmou Zeca.

 

 

O apoio a Zeca dos peemedebistas de Dourados e região se soma ao de dirigentes e filiados a vários outros partidos que estão formalmente coligados com André Puccinelli, mas que não reproduzem nas bases essa aliança. Na segunda maior cidade do Estado, Zeca já recebeu também apoios de políticos do DEM, do PR, do PTB, entre outros.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

ACIDENTE
Criança de dois anos se enforca com a alça da bolsa enquanto brincava em escola
CASO JOÃO DE DEUS
Marina Ruy Barbosa intervém no caso João de Deus e impede uma grande tragédia
PRISÃO DECRETADA
Justiça de Goiás decreta prisão de João de Deus
STARTUPS NO BRASIL JÁ É SUCESSO
O sucesso das startups no Brasil e algumas novas apostas no mercado
REVOLTANTE
Filha de João de Deus diz que foi abusada dos 10 aos 14 anos: 'Meu pai é um monstro'
NOVELA GLOBAL
'O sétimo guardião': Robério beija Marcos Paulo e a agride ao descobrir que ela é trans
DESTAQUE MUNDIAL
Dois brasileiros estão no Top 50: melhores professores do mundo
JUSTIÇA - WHATSAPP
Administradora de grupo no WhatsApp, foi “condenada” á pagar 3 mil por discussão de membros
DICAS DE SERVIÇO DE HOSPEDAGEM NA WEB
Vai criar um blog ou um site?, saiba aqui tudo sobre o serviço de hospedagem
ALERTA NA NET
Golpe no WhatsApp engana usuários ao prometer brindes falsos de Natal