Menu
LIMIT ACADEMIA
domingo, 21 de outubro de 2018
SADER_FULL
Busca
SICREDI_FATIMA
Brasil

Vôo da seleção masculina de vôlei faz pouso de emergência

30 Jun 2004 - 15h00
O avião que levava a delegação da seleção brasileira masculina de vôlei para os jogos da Liga Mundial, na Espanha, foi obrigado a fazer um vôo de emergência no aeroporto de Dacar, em Senegal, depois que um passageiro passou mal.

O incidente ocorreu na noite de terça-feira, quando, após o jantar, um brasileiro aparentando 35 anos -e que não fazia parte da delegação- começou a gritar e se debater. O passageiro, que não teve a identidade revelada, foi logo controlado pelos comissários de bordo e atendido pelo médico da seleção brasileira, Álvaro Chamecki.

"O homem se debatia muito pedindo uma arma a todo instante. Dizia que
queriam matá-lo e que ele iria matar todo mundo. Também falou que havia
engolido cocaína", disse Chamecki, que acompanhou tudo de perto.

Com a ajuda de pelo menos cinco pessoas, o passageiro foi imediatamente imobilizado e deitado no chão da aeronave. Mesmo depois de ter tomado três doses de injeção com calmante, ele continuava descontrolado. Por isso, a decisão de fazer uma escala de emergência. Em Dacar, uma equipe médica local retirou o homem e, depois de cerca de 1h30 no solo, o avião seguiu viagem rumo a Madri.

UOL Esportes

Deixe seu Comentário

Leia Também

DISPUTA ACIRRADA
Vox Populi: Distância cai para 6 pontos
AGRESSÃO
Justiça manda penhorar bens de Dado Dolabella para pagar indenização a camareira agredida
HOMICÍDIO - 17 TIROS
Empresário é morto com 17 tiros; acusados estão detidos
ACIDENTE DE TRANSITO
Carros capotam após batida; criança de 5 anos ficou ferida
POLITICA
TSE abre investigação para apurar suposto crime eleitoral de Bolsonaro
FAMOSIDADES
Jair Bolsonaro teria causado a separação de Neymar e Bruna Marquezine
NOVELA GLOBAL
Segundo Sol: Após suborno e tentativa de estupro, Remy se entrega a polícia para deixar Luzia livre
REALITY SHOW
Perlla é eliminada de A Fazenda com 22,64% dos votos
RETA FINAL
'Segundo sol': Antes de ir para a cadeia, Luzia pede: 'Continuem procurando por Remy! Ele está vivo!
CASO LETICIA
Adolescente morta a facadas contou a amigos que pai estuprou a tia na sua frente:'Tinha quatro anos'