Menu
SADER_FULL
quarta, 26 de junho de 2019
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
AGÊNCIA BONITO THIAGO
Brasil

Visita técnica visa motivar produtores de Guia Lopes

5 Jun 2007 - 14h07
O sítio Cabeceira, localizado em Jaraguari/MS, será destino de produtores rurais de Guia Lopes da Laguna no próximo dia 8. Eles fazem parte do Projeto Educampo e irão realizar uma visita técnica na propriedade, com o objetivo de conhecer a evolução da atividade leiteira no sítio. Trinta pessoas irão participar da visita.
 
O Educampo é um projeto do Sebrae que busca, por meio da capacitação gerencial e tecnológica de grupos de produtores rurais, desenvolver aspectos de gestão da propriedade, tornando-as mais eficientes e competitivas. “A gestão do negócio é uma das maiores prioridades do Educampo, para tornar o gerenciamento um diferencial do produtor“, explica Marcus Rodrigo, coordenador do Projeto no Estado.
 
Os produtores de leite de Guia Lopes da Laguna fazem parte do Educampo desde maio deste ano e, como principiantes no Projeto, irão visualizar propriedades que estão há mais tempo inseridas no programa. O produtor do sítio Cabeceira, onde será realizada a visita técnica, já está no processo de capacitação há quase três anos, portanto, tem resultados mensuráveis para apresentar aos outros participantes.
 
O diferencial do sítio é a implantação de um sistema que possibilita ao produtor ter alimentos para os animais na época da seca, realidade contrária ao que costuma acontecer nas fazendas do Estado, como explica o técnico de campo que criou este planejamento, Álvaro Kessler. “A produção em Mato Grosso do Sul varia muito da época de chuva e seca. No inverno, o alimento disponível é pouco para nutrir o animal”.
 
O sistema que Álvaro implantou foi um canavial, que permite, devido ao tamanho de sua área, fornecer nutrição para o gado durante todo o ano. Com este planejamento inserido no sítio, o produtor reduziu os gastos de armazenamento de alimento que antes era obrigado a manter.
 
Para o consultor técnico do Projeto Educampo em Mato Grosso do Sul, Alexandre Gessi, “este sistema é bom para o produtor, que possibilita que ele mantenha uma renda média, e também para a indústria que compra o seu produto, pois tem sempre mercadoria disponível”.
 
 
Fátima News

Deixe seu Comentário

Leia Também

ALERTA EPIDEMIOLÓGICO
Acadêmico de Medicina morre com suspeita de dengue hemorrágica
INSTINTO ASSASSINO
Jovem leva 23 perfurações pelo corpo dois dias após se separar e fica em coma induzido
CRUELDADE
Adolescentes torturam e matam garota por causa de ciúmes, divulgam vídeo e são apreendidas
HABEAS CORPUS
Segunda Turma do STF mantém Lula preso
TRAGEDIA NA RODOVIA
Uma pessoa morre e cinco feridos após carro da Secretaria de Saúde bater em caminhão
ESCRAVIDÃO
Mulher era mantida em cárcere privado por 20 anos
MONSTRUOSIDADE
Bebê de 9 meses é estuprado e espancado até a morte
QUADRO ESTÁVEL
Após acidente e cirurgia às pressas, Filho de Huck e Angélica deixa UTI
CIGARREIRO
Homem morre após capotar carro carregado com cigarros
ASSÉDIO SEXUAL
Dany Bananinha sofre assédio em praia do Rio e impede nova vitima: 'Me tremi toda'