Menu
SADER_FULL
segunda, 22 de outubro de 2018
LIMIT ACADEMIA
Busca
ITALÍNEA
ASSISTA AO VÍDEO

Vídeo gravado por Artuzi antes de morrer "promete" novos capítulos

Uma gravação feita pelo ex-prefeito de Dourados Ari Valdeci Artuzi

5 Set 2013 - 14h10Por Dourados News

Uma gravação feita pelo ex-prefeito de Dourados Ari Valdeci Artuzi - que morreu no dia 23 de agosto em decorrência de câncer no intestino –, foi postada hoje (5) num canal de vídeos da internet.

Nas imagens, Artuzi aparece bastante debilitado e diz que foi vítima na Operação Uragano, desencadeada pela Polícia Federal em 1º de setembro de 2010 e que resultou na prisão do então prefeito, vice, vereadores, secretários e empresários do município.

“Dizem que desviei R$ 35 milhões[...] nem as pessoas que me acusaram sabem o quanto é R$ 35 milhões. Não tenho dinheiro para nada, minhas cirurgias, meus tratamentos [contra o câncer no intestino] foram feitas pelo SUS (Sistema Único de Saúde)”, disse, antes de continuar. “Quem me acusa, vai para São Paulo fazer tratamento, eu não, fiquei aqui”.

O ex-chefe do Executivo douradense ainda questiona a medicação recebida no Hospital do Câncer da capital. “Foram três meses lá, que não serviram para nada [...] a quimioterapia era feita com água, dividia em três pessoas”, conta.

Artuzi também acusa o ex-secretário de Governo em seu mandato, Eleandro Passaia, de ter ‘editado os vídeos’ onde aparece recebendo dinheiro e que foram entregues durante as investigações realizadas pela Polícia Federal.

Ao final da gravação, existe a indicação apontando para a continuação da ‘entrevista’ com o ex-prefeito.

Na data em que morreu, Artuzi ficou sabendo que o juiz da 6ª Vara Cível de Dourados, Jose Domingues Filho, considerou as provas coletadas durante a “Operação Uragano” insuficientes para comprovar a culpa dos acusados, no que diz respeito à área cível, e julgou improcedente a ação por prática de atos de improbidade administrativa contra os réus.

Assista o vídeo abaixo:

Deixe seu Comentário

Leia Também

DISPUTA ACIRRADA
Vox Populi: Distância cai para 6 pontos
AGRESSÃO
Justiça manda penhorar bens de Dado Dolabella para pagar indenização a camareira agredida
HOMICÍDIO - 17 TIROS
Empresário é morto com 17 tiros; acusados estão detidos
ACIDENTE DE TRANSITO
Carros capotam após batida; criança de 5 anos ficou ferida
POLITICA
TSE abre investigação para apurar suposto crime eleitoral de Bolsonaro
FAMOSIDADES
Jair Bolsonaro teria causado a separação de Neymar e Bruna Marquezine
NOVELA GLOBAL
Segundo Sol: Após suborno e tentativa de estupro, Remy se entrega a polícia para deixar Luzia livre
REALITY SHOW
Perlla é eliminada de A Fazenda com 22,64% dos votos
RETA FINAL
'Segundo sol': Antes de ir para a cadeia, Luzia pede: 'Continuem procurando por Remy! Ele está vivo!
CASO LETICIA
Adolescente morta a facadas contou a amigos que pai estuprou a tia na sua frente:'Tinha quatro anos'