Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
segunda, 18 de fevereiro de 2019
SADER_FULL
Busca
CANTINA BAH
Brasil

Verdão quer anular julgamento de Felipão no STJD

6 Out 2010 - 07h28Por Gazeta Esportiva

O departamento jurídico do Palmeiras corre contra o tempo para reverter a suspensão de duas partidas determinada pelo Superior Tribunal de Justiça (STJD) ao técnico Luiz Felipe Scolari. O clube de Palestra Itália quer um novo julgamento ao treinador.

"De uma forma geral, o julgamento foi muito estranho e não transcorreu de forma técnica. Estranhamos bastante o fato de o STJD não ter aceitado nossa prova de áudio.

Era a prova mais eficaz e contundente da defesa", afirmou o advogado do departamento jurídico de futebol, André Sica, em entrevista ao site oficial do clube.

Felipão foi julgado pela expulsão contra o São Paulo, no dia 19 de setembro. Na ocasião, ele foi excluído da partida ainda no primeiro tempo. No relatório, o apitador José Henrique de Carvalho descreveu que recebeu o ofensa "árbitro de m..." do comandante alviverde.

"Considerando que se tratava de uma suposta infração cometida verbalmente, a prova de áudio era essencial para comprovar a inexistência da infração.

Houve um claro cerceamento de defesa, que leva à nulidade do julgamento", emendou André Sica.

O departamento jurídico do Palmeiras alega que outros casos semelhantes ao de Felipão foram tratados anteriormente sem o mesmo resultado. "Não é comum o rigor com que o STJD julgou o Felipão.

A grande maioria dos técnicos, na mesma situação, são absolvidos ou levam penas mais brandas. O STJD também desconsiderou a primariedade do Felipão, que serve como atenuante, e aplicou a pena com se o técnico fosse reincidente.

Vamos mover os esforços que estiveram ao nosso alcance e recorrer dessa decisão", completou André Sica.

Se o gancho for mantido, Felipão não poderá ficar no banco nas duas próximas partidas do Palmeiras no Campeonato Brasileiro, contra Avaí, no Pacaembu, e Botafogo, no Engenhão.

Deixe seu Comentário

Leia Também

O REI ROBERTO CARLOS
Roberto Carlos vestiu rosa e se mostrou contrário a projeto de Jair Bolsonaro
BRIGA NO PLANALTO
Magoado e traído, Bebianno não vai poupar filho de Bolsonaro
TRÁGICO
Mãe do piloto de Ricardo Boechat morre três dias após o filho
OUTROS 10 ESTADOS
Horário de verão termina à meia-noite; relógios devem ser atrasados em 1h
BARBÁRIE
Rosane Santiago Silveira, torturada e morta em sua própria casa
CARRO DE APLICATIVO
Mulher é estuprada após aceitar água e bala em carro de app
VIOLENCIA DOMESTICA
Enquanto Lírio Parisotto era condenado, Luiza Brunet discutia campanha contra violência doméstica
CANALHA
Criança de 4 anos é estuprada no próprio aniversário
HORARIO DE VERÃO
Atrase seu relógio! Horário de verão termina neste sábado(16)
CARCERE PRIVADO
Mulher é chicoteada com fio elétrico pelo marido