Menu
LIMIT ACADEMIA
segunda, 21 de janeiro de 2019
SADER_FULL
Busca
CANTINA BAH
Brasil

Vera destaca construção de esgoto em Glória de Dourados

28 Jul 2007 - 06h03
A Prefeita  de Glória de Dourados Vera Regina Dalcin Baur (PR), preocupada com a saúde da população, realiza parceria com o Governo Federal, através da FUNASA (Fundação Nacional de Saúde) e do Deputado Federal Antonio Carlos Biffi (PT), para viabilização da  rede e estação de tratamento de esgoto.
 Nesta primeira etapa está sendo construída a estação de tratamento de esgoto,  465 metros de rede coletora e 260 metros de emissário final,  e 10 ligações residenciais, todos esses procedimentos com elaboração de estudos ambientais.
 Na segunda etapa 2.325 metros de rede coletora de esgoto beneficiando os moradores com 40 ligações domiciliares, inclusive os moradores da Rua Marechal Rondon, entre os cartórios do 1.º e 2.º ofício.
 Vale ressaltar a parceria da Prefeitura Municipal com o Governo Federal e do Deputado Federal Antonio Carlos Biffi, que através desta, está sendo viabilizado cerca de R$ 300.000,00(trezentos mil reais), para dar prosseguimento na rede e tratamento de esgoto nas  ruas deste município.
 Dentre as propriedades, a administração municipal está  voltada à cidadania, destacando-se a implantação total de um sistema de esgotamento sanitário.
O Secretário municipal de Meio Ambiente, Valmir Dias dos Santos, fala da importância da obra, e do planejamento e a construção de um sistema eficiente de esgotamento sanitário numa cidade, seja ela de pequeno, médio ou grande porte, é um desafio para os administradores públicos,  porém, um desafio necessário e urgente face às estatísticas de extremo impacto social, já que, em curto espaço de tempo, pode-se alcançar indicadores favoráveis, fundamentalmente no que tange à melhoria da qualidade de vida da população atendida.
 Através da rede coletora pública, o esgoto sai das residências e chega à estação de tratamento de esgoto, denominada ETE. O sistema é longo, pois o esgoto é recolhido por ramais prediais e levado para bem longe, o que exige a realização de grandes obras subterrâneas ao longo das ruas.
A  prefeita Vera Baur,  ressalta que, a ausência de tratamento de esgoto,  causa grave agressão ao meio ambiente, além dos danos diretos aos nossos rios, sérios prejuízos a saúde das pessoas que por ventura mantenha contato com água contaminada através de  focos de proliferação das principais doenças transmitidas, tais como: diarréia, cólera, hepatite e leptospirose. Ainda Vera Baur, a nossa preocupação é constate, e estamos nos empenhando bastante para a conclusão desta obra tão importante na prevenção da  saúde da população.

 

 

Fátima News


Deixe seu Comentário

Leia Também

GUERRA NO RJ II
Parentes de mortos durante chacina em São Gonçalo e Itaboraí dizem que vítimas eram inocentes
GUERRA NO RJ
Chacina deixa pelo menos 7 mortos na Região Metropolitana do Rio
BBB 19
Famosos protestam contra Maycon por agredir animais e mãe o defende: 'Não é um monstro'
MORTE A ESCLARECER
Exército investiga morte de sargento após teste de aptidão física
CASO DE POLÍCIA
Rapaz morre em pátio de motel
MINISTRA DO MS NO GOVERNO BOLSONARO
Ministra Tereza Cristina garante fortalecer cadeia do leite e agricultura familiar
PROBLEMAS MENTAIS
Casal é brutalmente agredido a enxadadas pelo filho
BARRADO
Filho do cantor Marciano diz ter sido impedido de ir no velório do pai
A COBRA VAI FUMAR - SEGURANÇA NO MS
MS fecha o cerco contra a violência na fronteira em mega operação
LUTO NA MÚSICA
Marcelo Yuka, fundador do Rappa morre aos 53 anos