Menu
LIMIT ACADEMIA
terça, 22 de janeiro de 2019
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
CANTINA BAH
Brasil

Variação dos preços gerais da economia foi a maior desde junho de 2008

10 Jun 2010 - 13h23Por Agência Brasil

O reajuste de salários na construção civil e nos contratos para venda de minérios pressionaram a inflação medida pelo Índice de Preços – Disponibilidade Interna (IGP-DI). Divulgado hoje (9) pela Fundação Getulio Vargas (FGV), o IGP-DI, que subiu de 0,72% para 1,57%, entre abril e maio, foi o maior desde junho de 2008.

De acordo com o economista da FGV responsável pela pesquisa, Salomão Quadros, com a retomada da economia, a demanda por minério - refletida pelo crescimento das exportações - voltou a crescer e a inflação saltou de -1,56 para 75,19%, de um mês para o outro.

“O [índice] deste mês foi influenciado pelo minério de ferro. Essa alta acontece uma vez por ano, por causa do sistema de contratações [em que as empresas fecham contrato para o ano]. Então, em vez de ser distribuída ao longo do 2010, [a alta] acontece em um único mês”, explicou Quadros, acrescentando que em 12 meses, a alta acumulada do produto foi de 10,74%.

Quadros explicou que o aumento de 0,84% para 1,81% no Índice Nacional de Construção Civil (INCC) era esperado e reflete o reajuste de salários em São Paulo. Os salários compõem 40% do indicador. Em maio, o item mão de obra passou de 1,07% para 3,13%.

“Cada capital tem sua data [de reajuste]. Em São Paulo é maio. Portanto, isso não é uma tendência”, disse. “O setor [da construção civil] vem numa fase de aquecimento, mas esse aquecimento ainda não pode ser considerado alarmante”, ponderou.

Entre os demais indicadores do IGP-DI, o Índice de Preços ao Produtor Amplo (IPA) aumentou de 0,68% para 2,06%, puxado principalmente pelo minério de ferro e pelo subgrupo de componentes para manufatura (de 0,86% para 1,05%).

O Índice de Preços ao Consumidor (IPC) caiu de 0,76% para 0,21%, influenciado pelos itens de alimentação, principalmente pelo produtos in natura. Entre eles, destacam-se hortaliças e legumes (de 5,20% para -5,80) e laticínios (de 4,63% para 1,57%).

Deixe seu Comentário

Leia Também

PERSISTÊNCIA
Filho de faxineira e porteiro passa em medicina no Paraná
RENOVAÇÃO LICENÇA
Extinção de mais 130 rádios comunitárias no Brasil deve alcançar emissora de Ponta Porã
CENAS FORTES
Vídeo flagra mulher sendo agredida por ex-marido com socos e chutes
GUERRA NO RJ II
Parentes de mortos durante chacina em São Gonçalo e Itaboraí dizem que vítimas eram inocentes
GUERRA NO RJ
Chacina deixa pelo menos 7 mortos na Região Metropolitana do Rio
BBB 19
Famosos protestam contra Maycon por agredir animais e mãe o defende: 'Não é um monstro'
MORTE A ESCLARECER
Exército investiga morte de sargento após teste de aptidão física
CASO DE POLÍCIA
Rapaz morre em pátio de motel
MINISTRA DO MS NO GOVERNO BOLSONARO
Ministra Tereza Cristina garante fortalecer cadeia do leite e agricultura familiar
PROBLEMAS MENTAIS
Casal é brutalmente agredido a enxadadas pelo filho