Menu
SADER_FULL
sexta, 22 de fevereiro de 2019
LIMIT ACADEMIA
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Vander defende liberdade de expressão e lamenta ofensas a Dilma

15 Jul 2010 - 14h15Por Fátima News com assessoria

O deputado federal Vander Loubet (PT-MS) considerou lamentável, infeliz e nada inteligente a charge que mostra Dilma Rousseff vestindo roupas sensuais e girando uma bolsinha nas ruas, mas não defende que seu autor, o chargista Nani, ou quem publicou a charge, como o jornalista Josias de Souza, sofram censura.

“A sociedade que preza a liberdade, o respeito, a dignidade e a convivência entre todas as pessoas sentiu-se agredida.  Foi um momento medíocre de preconceito, de vazio moral e intelectual do cartunista.  Mas se é este o pensamento dele e que está sendo assumido, ele tem a liberdade de se expressar.  Censura institucional não combina com regime democrático e de liberdades. Uma sociedade livre não pode aceitar que esse tipo de manifestação, machista e chauvinista, seja mascarada e mitificada, como acontece, por exemplo, com o preconceito racial”, afirma o parlamentar.

Para Vander, a manifestação de Nani foi ofensiva e é passível de penalização por meio de recurso judicial. “A honra de uma pessoa foi atacada.  Há o recurso judicial, sim, que eu apoio.  Mas sou contra a censura.  O pensamento deve ser exercido livremente, até porque a sociedade precisa identificar quem é quem e o que cada um pensa”, reforça o parlamentar.

O próprio Nani reconheceu ter exagerado.  “Eu usei uma metáfora.  Pode ter sido ruim, mas eu simplesmente fiz humor. (...). A metáfora que eu usei foi um pouco violenta”. 

Ele diz que sua intenção era mostrar uma espécie de confusão ideológica no programa de governo da candidata petista, em função das diferentes orientações partidárias da coligação.  Sua charge mostra a candidata numa esquina, dizendo o seguinte: “O programa quem faz são os fregueses: PMDB: barba, cabelo e bigode; PDT: papai e mamãe e por aí vai ...”.

“Com 37 anos de jornalismo e considerado um dos mais importantes cartunistas do País, Nani jogou no lixo toda uma história e desfez o conceito que havia construído nesse tempo”, lamentou Vander, associando-se às diversas manifestações de repúdio e indignação que brotam de todo o Brasil.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CORTE CEGO
Megaoperação da PM em 18 bairros tem três mortos e cinco feridos
PERSISTÊNCIA
Ex-faxineiro se forma em Jornalismo e já está empregado
O QUE IMPORTA PARA VOCÊ?
Equipe médica leva paciente de UTI à formatura do filho
INDIGNAÇÃO
Pedreiro desafia Rodrigo Maia: 'Trabalhe 30 dias numa obra, que trabalho até os 80'
AMOR INCONDICIONAL
Cadela espera toda noite pela chegada de Boechat, diz mulher do jornalista
VIOLENCIA DOMESTICA
Reconstrução de rosto de mulher espancada na Barra vai durar seis meses, diz médico
REFORMA DA PREVIDÊNCIA
Aposentadoria é para viver, não para receber só à beira da morte
CHANTAGEM
Ladrões invadem estabelecimentos, obrigam funcionárias a tirarem a roupa, filmam e extorquem vítimas
FORAGIDO
Atirador invade escritório de advocacia e mata duas pessoas
BBB 19
Rízia chora por estar acorrentada: 'Vontade de desistir'