Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
terça, 22 de janeiro de 2019
LIMIT ACADEMIA
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Vacina contra hepatite B pode aumentar risco de esclerose

14 Set 2004 - 17h24
A vacina contra a hepatite viral B pode aumentar o risco da esclerose múltipla, indica estudo publicado hoje na revista "Neurology", órgão da Academia de Neurologia dos Estados Unidos.

Os autores do trabalho, que contradiz diversos estudos anteriores, todavia não questionam os benefícios da vacina na prevenção da hepatite B, potencialmente mortal.

A pesquisa foi coordenada por Miguel Hernán, da Harvard School of Public Health (Boston), a partir de uma base de dados dos médicos generalistas do Reino Unido referente a 3 milhões de britânicos.

Os investigadores centraram a sua atenção nos pacientes com esclerose múltipla diagnosticada pela primeira vez entre dezembro de 2000 e janeiro de 1993, e verificaram entre estes os que tinham ou não sido vacinados.

A análise incluiu 163 casos de esclerose múltipla. Com base em 11 casos, os investigadores detectaram um risco três vezes mais elevado de contrair a doença nos três anos seguintes à vacinação.

Porém, segundo Hernán, "93,3% das pessoas do estudo afetadas pela esclerose múltipla nunca foram vacinadas".

Sem sustentação

Num editorial que acompanha a publicação do estudo, dois neurologistas norte-americanos --Robert Naismith e Anne Cross, da Universidade Washington (Missouri)-- afirmam que os dados apresentados no estudo não são suficientemente convincentes para justificar alterações nos programas de vacinação preventiva.

Em todo o mundo há mais de 350 milhões de pessoas cronicamente infectadas pelo vírus da hepatite B, prevendo-se que 65 milhões delas morram de cirrose ou câncer do fígado por não terem sido vacinadas.

A esclerose múltipla é uma doença neurológica crônica e incapacitante, de evolução imprevisível e que aparece geralmente no adulto jovem, variando entre formas muito ligeiras e muito graves.
 
Folha Online

Deixe seu Comentário

Leia Também

PERSISTÊNCIA
Filho de faxineira e porteiro passa em medicina no Paraná
RENOVAÇÃO LICENÇA
Extinção de mais 130 rádios comunitárias no Brasil deve alcançar emissora de Ponta Porã
CENAS FORTES
Vídeo flagra mulher sendo agredida por ex-marido com socos e chutes
GUERRA NO RJ II
Parentes de mortos durante chacina em São Gonçalo e Itaboraí dizem que vítimas eram inocentes
GUERRA NO RJ
Chacina deixa pelo menos 7 mortos na Região Metropolitana do Rio
BBB 19
Famosos protestam contra Maycon por agredir animais e mãe o defende: 'Não é um monstro'
MORTE A ESCLARECER
Exército investiga morte de sargento após teste de aptidão física
CASO DE POLÍCIA
Rapaz morre em pátio de motel
MINISTRA DO MS NO GOVERNO BOLSONARO
Ministra Tereza Cristina garante fortalecer cadeia do leite e agricultura familiar
PROBLEMAS MENTAIS
Casal é brutalmente agredido a enxadadas pelo filho