Menu
SADER_FULL
segunda, 10 de dezembro de 2018
LIMIT ACADEMIA
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Uragano: entidades pedem cassação dos políticos indiciados

9 Nov 2010 - 14h50Por Mídia Max

O CRDP (Comitê Regional de Defesa Popular) vai protocolizar às 16h na Câmara Municipal de Dourados o pedido de cassação de 11 dos doze vereadores que foram indiciados pela Policia Federal pelo envolvimento em crimes desvendados pela Operação Uragano.

O documento elaborado pelo Comitê Popular conta com a assinatura de dirigentes de mais de quarenta sindicatos e associações comunitárias e de cidadãos que apóiam o movimento popular em defesa da ética na política que propõe a cassação dos vereadores.

O coordenador do Comitê, Ronaldo Ferreira afirmou que o pedido de cassação baseia-se nas denuncias que já estão no Ministério Público e referente as investigações feitas pela Operação Uragano que mandou para a cadeia o prefeito Ari Artuzi, o vice Carlinhos Cantor, nove dos onze vereadores, secretários municipais e empresários.

Ronaldo afirmou o Comitê vai enviar uma cópia do documento que pede a cassação dos vereadores para os partidos políticos a quem pertencem os parlamentares para que eles se posicionem sobre as denuncias de corrupção.

O pedido de cassação salva apenas a vereadora Délia Razuk (PMDB) que atualmente ocupa interinamente a Prefeitura e que não foi indiciada pela Operação Uragano.

Dos onze vereadores indiciados apenas Dirceu Longhi (PT) e Gino Ferreira (DEM) não foram presos. Além de Gino e Dirceu será pedida a cassação por quebra do decoro parlamentar os vereadores Aurélio Bonato (PDT), Zezinho da Farmácia (PSDB), Tio Julio Artuzi (PRB), José Carlos Cimatti (PSB), Humberto Teixeira Junior (PDT), Edvaldo Moreira (PDT), Marcelo Hall (PR), Marcelo Barros (DEM), Paulo Henrique Bambu (DEM) e Sidlei Alves (DEM).

Deixe seu Comentário

Leia Também

COVARDIA
Mulher agride menino autista em playground e vídeo viraliza
NOVELA GLOBAL
'O sétimo guardião': Nicolau descobre que Diana luta karatê e fica em choque
ACUMULOU
Ninguém acerta a mega-sena e prêmio acumula em R$ 30 milhões
VIOLENCIA
'Tiro, porrada e bomba': festa em universidade acaba em pancadaria e PM responde com violência
NOVELA GLOBAL
Gabriel confronta Valentina em “O Sétimo Guardião”
ARROCHO
Regra defendida por Bolsonaro tira R$ 1,1 mil por mês das novas aposentadorias
BARBÁRIE
Mulher é presa após atear fogo em cachorro
NOVELA GLOBAL
'O sétimo guardião': Feliciano foi muito rico e ajudou Valentina no passado
SE DEU MAL
Assaltante é morto após fazer idosa de 83 anos refém no Rio de Janeiro
ROUBO MILIONÁRIO
Homens invadem banco, trocam tiros com polícia e fogem com R$ 1 milhão