Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quarta, 22 de janeiro de 2020
SADER_FULL
Busca
BANNER BET
Brasil

Universidades podem ter o direito de determinar cotas

22 Jul 2004 - 15h11
A Comissão de Educação e Cultura está analisando o Projeto de Lei 3571/04, que modifica a Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (9394/96). A proposta assegura às universidades a possibilidade de estabelecer planos de metas para integração social, étnica e racial. Entre as metas, estão as cotas de ingresso para afro-descendentes, indígenas e egressos de escolas públicas de acordo com critérios sociais, econômicos e raciais definidos pelo colegiado.
De autoria do deputado Eduardo Valverde (PT-RO), a proposição também prevê que os órgãos colegiados e as comissões passem a ser constituídos por 50% de corpo docente, 30% de servidores e 20% de discentes. Pela legislação atual, os docentes ocupam 70% dos assentos nos colegiados.
Valverde explica que o objetivo é inserir na Lei de Diretrizes e Bases da Educação, o sistema de cotas para negros, indígenas e egressos da rede pública de educação, "visando dissipar qualquer dúvida sobre a possibilidade de aplicar a autonomia universitária nesta temática e dirimir dúvidas jurídicas sobre a matéria".
 
 
 
Agência Câmara

Deixe seu Comentário

Leia Também

TRAIÇÃO
Mulher flagra marido com novinha e a faz andar pelada na rua
ENCONTRO ACABA EM MORTE
Moça que foi estuprada e assassinada saiu de casa para se encontrar com um amigo
RAÇA ASSASSINA
Rottweiler mata doze bezerros em propriedade rural
TRAGEDIA NA RODOVIA
Grave acidente envolve três caminhões e um carro na PR 180; uma pessoa morreu
FÁTIMA DO SUL - NESTA QUARTA-FEIRA
Esclarecimentos sobre porte de armas e suas aquisições acontece nesta quarta-feira em Fátima do Sul
ESTUDANTES
Estudantes podem se inscrever no Sisu a partir desta terça-feira
TECNOLOGIA
Clientes de bancos digitais vão poder sacar dinheiro em padarias e supermercados
VALOR INDEVIDO
Mais de 4 milhões de motoristas vão receber restituição da diferença do DPVAT
DESEMPREGO À VISTA
Petrobras vai demitir funcionário aposentado após reforma da Previdência
BORA PRA BONITO - MS
Passeios em Bonito tem até 60% de desconto para sul-mato-grossenses