Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quinta, 24 de janeiro de 2019
LIMIT ACADEMIA
Busca
CANTINA BAH
Brasil

Tucanos querem disputar eleições em 40 municípios em MS

14 Jul 2007 - 09h35
O PSDB pretende lançar candidato próprio em pelo menos 40 municípios. O presidente estadual da legenda, deputado federal Waldir Neves, informou que o partido está realizando uma série de filiações que devem fortalecê-lo para o pleito de 2008.

Waldir Neves citou entre os nomes que devem reforçar a legenda no interior do Estado o prefeito de Rio Brilhante, Donato Lopes, o ex-prefeito de Itaporã, José Cordeiro, o empresário de Aquidauna, Zelito Ribeiro e o empresário Jerson Prata, que pode ser candidato do PSDB em Miranda.

Ele disse que a vice-prefeita de Sete Quedas, Monalisa Alessi é pré-candidata em 2008. O presidente da Câmara de Corumbá, Mohamed Abdallah, também deve concorrer à prefeitura e o atual prefeito de Ponta Porã, Flávio Kayatt vai disputar a reeleição.

"Estamos nos preparando para fazer algumas filiações de peso em Dourados para ter uma candidatura forte. Por enquanto, não posso dizer quem, estamos conversando com várias lideranças", disse.

Sobre a disputa em Campo Grande e em Três Lagoas, Waldir Neves afirmou que o partido ainda vai debater internamente e com o PMDB. "São dois municípios que temos uma relação muito boa com o PMDB, então queremos discutir com mais detalhes".

Em reunião ontem na sede da sigla, lideranças do PSDB também trataram, além da disputa eleitoral de 2008, da organização das convenções municipais, programadas para o dia 19 de agosto, e da realização de um ato de desagravo em favor da senadora Marisa Serrano, recentemente criticada pelo presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB).

Ato de desagravo – Calheiros alegou que a senadora não tem preparo jurídico para ser uma das relatoras do processo que tramita contra ele no Conselho de Ética. O presidente estadual do PSDB informou que em agosto será realizado um ato de apoio a Marisa, com a presença de lideranças nacionais.

"Não é alguém que está sob suspeição que pode vir falar que a Marisa não tem densidade, respeitabilidade para poder representar o PSDB na Comissão de Ética", criticou. "Ela pode até não entender do processo jurídico, mas entende muito de ética."

Waldir Neves deve permanecer na presidência do PSDB até novembro, quando ocorre a eleição do diretório regional. "Está tudo caminhando para que nosso novo presidente seja o deputado estadual Reinaldo Azambuja. É o nome que hoje tem consenso e dificilmente terá outro nome", informou Waldir.

 

 

Correio do Estad

Deixe seu Comentário

Leia Também

CASO MILICIANOS
‘Se Flávio errou, terá de pagar e eu lamento como pai’, diz Bolsonaro sobre novos indícios
PREOCUPANTE
Arábia Saudita barra importação de frango de cinco frigoríficos brasileiros
FUTEBOL
São Paulo e Vasco da Gama farão a final da Copa São Paulo
BBB 19
Vanderson é eliminado e vai prestar depoimentos sobre casos de agressão
INVESTIGAÇÃO
Mourão volta a dizer que é preciso investigar Flávio Bolsonaro e punir se for o caso
HEROI
Porteiro ganha homenagem: salvou criança de 3 anos que caiu na piscina (VIDEO)
FAMOSIDADES
Aos 67 anos, Amado Batista assume namoro com jovem de 19 anos de idade
LUTO - TV
Ator Caio Junqueira morre no Rio uma semana após acidente
ANJO DA GUARDA
Amigo dá lar a mulher que viveu 40 anos internada no HC
MAMATA
General corta contratinho de R$ 30 milhões para manter jornalistas no exterior