Menu
SADER_FULL
terça, 22 de janeiro de 2019
LIMIT ACADEMIA
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Três seqüestradores mantêm reféns em escola russa

3 Set 2004 - 13h41
Três integrantes do grupo que manteve centenas de reféns em uma escola da Ossétia do Norte ainda mantém reféns no porão do colégio da Beslan. De acordo com fontes locais, os três terroristas continuam disparando contra as forças de segurança que invadiram o local e ameaçam matar as crianças que estão em seu poder.

O chefe do Serviço Federal de Segurança para a Ossétia do Norte, Valeri Andréyev, afirmou que ainda há combates e que as unidades especiais continuam lutando para libertar os reféns. Na cidade continua a procura por diversos terroristas que supostamente conseguiram sair disfarçados da área do colégio.

A escola, que desde a quarta-feira estava dominada pelos terroristas, foi invadida hoje cedo pelas forças de segurança. Conforme a imprensa russa, a ação não foi planejada e começou depois que tiros foram ouvidos dentro do prédio. Os disparos teriam sido feitos pelos terroristas contra um grupo de crianças que tentou fugir.

Foram confirmadas mais de cem mortes nos combates, mas o representante do Kremlin para a Chechênia, Alanbek Aslajanov, afirmou que mais de 150 podem ter morrido em Beslan. Outros 646 reféns ficaram feridos e já estão sendo atendidos nos hospitais da região. O governo também revelou que mais de 1,2 mil pessoas estavam sendo mantidas reféns pelo grupo, sendo que pelo menos 70% delas eram crianças.

Valeri Andreyev também disse que já foram identificados mais de 60 corpos das vítimas. A maioria das vítimas teria morrido no desabamento do ginásio onde foram mantidos os reféns. Entre os terroristas, houve pelo menos 20 mortes, sendo que 10 pessoas seriam do "mundo árabe".

 

TERRA

Deixe seu Comentário

Leia Também

CENAS FORTES
Vídeo flagra mulher sendo agredida por ex-marido com socos e chutes
GUERRA NO RJ II
Parentes de mortos durante chacina em São Gonçalo e Itaboraí dizem que vítimas eram inocentes
GUERRA NO RJ
Chacina deixa pelo menos 7 mortos na Região Metropolitana do Rio
BBB 19
Famosos protestam contra Maycon por agredir animais e mãe o defende: 'Não é um monstro'
MORTE A ESCLARECER
Exército investiga morte de sargento após teste de aptidão física
CASO DE POLÍCIA
Rapaz morre em pátio de motel
MINISTRA DO MS NO GOVERNO BOLSONARO
Ministra Tereza Cristina garante fortalecer cadeia do leite e agricultura familiar
PROBLEMAS MENTAIS
Casal é brutalmente agredido a enxadadas pelo filho
BARRADO
Filho do cantor Marciano diz ter sido impedido de ir no velório do pai
A COBRA VAI FUMAR - SEGURANÇA NO MS
MS fecha o cerco contra a violência na fronteira em mega operação