Menu
LIMIT ACADEMIA
sábado, 24 de agosto de 2019
SADER_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

TRE cassa mandato de senador de Rondônia

13 Abr 2007 - 14h01

Por sete votos a zero, o Tribunal Regional Eleitoral de Rondônia (TRE) cassou na quinta-feira à noite (12) o mandato do senador Expedito Júnior, do PR (Partido da República, ex-PL).

Os juízes do TRE concluíram que Expedito cometeu crime eleitoral no pleito do ano passado -ele é acusado de compra de votos. A decisão será comunicada à Mesa do Senado Federal nesta sexta-feira para afastamento do senador do cargo.

Apesar de poder recorrer da decisão no TRE de Rondônia, a assessoria do parlamentar informou ao G1 que Expedito Júnior vai ingressar nesta sexta-feira com um pedido de liminar no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) para que ele responda ao processo no cargo.

“O TRE decidiu com base em presunção e, sem provas efetivas, contrariando todos os precedentes do TSE. Razão pela qual estou tomando as medidas judiciais cabíveis para o restabelecimento da verdade”, disse o senador, por meio de sua assessoria.

Segundo a acusação do Ministério Público, o candidato eleito fazia parte de um esquema que contratou funcionários, às vésperas do primeiro turno das eleições, para trabalhar como “formiguinhas” (nome dado aos cabos eleitorais em Rondônia).

De acordo com o processo, os funcionários teriam recebido cada um R$ 100 para votar em um grupo de candidatos, que incluía ainda a mulher do senador, Val Ferreira, seu irmão José Antônio, que não se elegeram, e o governador eleito Ivo Cassol.

Nas eleições 2006, Expedito Júnior foi eleito com 267.728 votos, segundo o TSE. Em segundo lugar havia ficado Acir Marcos Gurgacz (PDT), que obteve 210.351. Melkisedk Donadon (PMDB) foi o terceiro mais votado, com 117.429.

 

 

G1

Deixe seu Comentário

Leia Também

A CASA CAIU
Homem pede divórcio ao descobrir que não é pai de nenhum dos nove filhos
ESTADO GRAVE
Homem ateia fogo em mulher e filha de 4 anos 80% do corpo queimado
SURPRESA E FÉ
Homem que morava em uma barraca ganha casa reformada
JUSTIÇA PROPRIAS MÃOS
Suspeito de ter estuprado criança é assassinado por lideranças de bairro
ASSISTA A REPORTAGEM
Família da modelo Mylena Mendes, que morreu em acidente faz protesto no Fórum
NOVELA GLOBAL
Régis confessa que forjou DNA de Arthur em 'A dona do pedaço'
FOGO NA AMAZONIA
Macron diz que Bolsonaro mentiu, e Europa ameaça retaliar Brasil
TURISMO
Curtir a Cidade Maravilhosa com pacotes de viagens baratos
FUTEBOL - PAIXÃO NACIONAL
Uma estrutura confiável para resultados de futebol
POSSE DE ARMA
Posse de arma em toda extensão da fazenda é aprovada e segue para sanção