Menu
LIMIT ACADEMIA
domingo, 16 de dezembro de 2018
SADER_FULL
Busca
CANTINA BAH
Brasil

TRE cassa mandato de senador de Rondônia

13 Abr 2007 - 14h01

Por sete votos a zero, o Tribunal Regional Eleitoral de Rondônia (TRE) cassou na quinta-feira à noite (12) o mandato do senador Expedito Júnior, do PR (Partido da República, ex-PL).

Os juízes do TRE concluíram que Expedito cometeu crime eleitoral no pleito do ano passado -ele é acusado de compra de votos. A decisão será comunicada à Mesa do Senado Federal nesta sexta-feira para afastamento do senador do cargo.

Apesar de poder recorrer da decisão no TRE de Rondônia, a assessoria do parlamentar informou ao G1 que Expedito Júnior vai ingressar nesta sexta-feira com um pedido de liminar no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) para que ele responda ao processo no cargo.

“O TRE decidiu com base em presunção e, sem provas efetivas, contrariando todos os precedentes do TSE. Razão pela qual estou tomando as medidas judiciais cabíveis para o restabelecimento da verdade”, disse o senador, por meio de sua assessoria.

Segundo a acusação do Ministério Público, o candidato eleito fazia parte de um esquema que contratou funcionários, às vésperas do primeiro turno das eleições, para trabalhar como “formiguinhas” (nome dado aos cabos eleitorais em Rondônia).

De acordo com o processo, os funcionários teriam recebido cada um R$ 100 para votar em um grupo de candidatos, que incluía ainda a mulher do senador, Val Ferreira, seu irmão José Antônio, que não se elegeram, e o governador eleito Ivo Cassol.

Nas eleições 2006, Expedito Júnior foi eleito com 267.728 votos, segundo o TSE. Em segundo lugar havia ficado Acir Marcos Gurgacz (PDT), que obteve 210.351. Melkisedk Donadon (PMDB) foi o terceiro mais votado, com 117.429.

 

 

G1

Deixe seu Comentário

Leia Também

ACIDENTE
Criança de dois anos se enforca com a alça da bolsa enquanto brincava em escola
CASO JOÃO DE DEUS
Marina Ruy Barbosa intervém no caso João de Deus e impede uma grande tragédia
PRISÃO DECRETADA
Justiça de Goiás decreta prisão de João de Deus
STARTUPS NO BRASIL JÁ É SUCESSO
O sucesso das startups no Brasil e algumas novas apostas no mercado
REVOLTANTE
Filha de João de Deus diz que foi abusada dos 10 aos 14 anos: 'Meu pai é um monstro'
NOVELA GLOBAL
'O sétimo guardião': Robério beija Marcos Paulo e a agride ao descobrir que ela é trans
DESTAQUE MUNDIAL
Dois brasileiros estão no Top 50: melhores professores do mundo
JUSTIÇA - WHATSAPP
Administradora de grupo no WhatsApp, foi “condenada” á pagar 3 mil por discussão de membros
DICAS DE SERVIÇO DE HOSPEDAGEM NA WEB
Vai criar um blog ou um site?, saiba aqui tudo sobre o serviço de hospedagem
ALERTA NA NET
Golpe no WhatsApp engana usuários ao prometer brindes falsos de Natal