Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
sábado, 19 de janeiro de 2019
SADER_FULL
Busca
CANTINA BAH
Brasil

Transgênicos devem exceder 200 milhões de hectares até 2015

30 Mai 2007 - 04h38

A recente disputa global por terras para o plantio de grãos voltados à alimentação ou produção de biocombustíveis deverá abrir de vez as portas para os transgênicos no mundo, na avaliação do Serviço Internacional para a Aquisição de Aplicações em Agrobiotecnologia (ISAAA), baseado em Nova York, nos Estados Unidos. 

Clive James, presidente do conselho de administração do ISAAA, estima que a área cultivada com transgênicos deverá superar 200 milhões de hectares até 2015. "Haverá um rápido avanço no cultivo de culturas geneticamente modificadas em países como Estados Unidos, Canadá, Austrália e países em desenvolvimento, como Brasil, China e Índia", afirmou James, em entrevista concedida por telefone. 

Hoje existem 16 variedades de alimentos aprovados no mundo para plantio comercial, mas apenas oito são cultivados - soja, milho, algodão, canola, alfafa, arroz, mamão papaya e abóbora. Na safra 2006/07, a área cultivada com transgênicos no mundo atingiu 102 milhões de hectares, tendo como principais culturas a soja, que respondeu por 62% do total cultivado, milho (22%), algodão (11%) e canola (5%). Em relação à produção total de cada cultura, 59% da soja cultivada no mundo é geneticamente cultivada. Esse índice é menor no milho (27%), no algodão (27%) e na canola (18%). 

Para os próximos oito anos, o ISAAA prevê a aprovação em ritmo mais rápido de novas variedades, especialmente nos países da Ásia, América Latina e África. No caso brasileiro, ele cita o lançamento, até 2010, de variedades de cana mais produtivas e tolerantes a doenças. No mundo, no entanto, a expansão ainda ficará concentrada em soja, cana, trigo e arroz. 

James cita como pesquisas mais próximas da fase comercial variedades de milho tolerante à seca, que deve chegar ao mercado em 2010, e de variedades de soja, milho e trigo também tolerantes ao estresse hídrico. "Hoje a agricultura consome 70% da água potável no mundo. Não é sustentável expandir a produção utilizando todo esse volume de água", afirma ele. 

Outra tecnologia que deverá contribuir para o avanço do plantio de transgênicos será a liberação de uma variedade de arroz enriquecido em vitamina A (conhecido como arroz dourado), que também deve ser lançado até 2010. 

"Hoje 22 países cultivam transgênicos e há outros 29 que apenas consomem. Até 2015, o número de países que plantam deve passar de 22 para 40 e o número de agricultores pode passar dos atuais 10 milhões para 100 milhões", prevê James. Ele estima que existam 200 milhões de produtores de arroz no mundo e, caso o arroz dourado seja aprovado para plantio na Ásia, pelo menos 80 milhões de produtores tenderão a adotar a cultura. 

Ele cita o caso recente da Índia, que iniciou o plantio de algodão transgênico em 2002, com 50 mil hectares, e na última safra plantou 3,8 milhões de hectares da pluma transgênica. "Os produtores da Índia aumentaram a sua rentabilidade em 88%, ou o equivalente a US$ 250 dólar por hectare, com economia no uso de insumos. E o mesmo ocorreu na Argentina, no Brasil e em outros países", observou. 

O ISAAA estima que os agricultores no mundo tenham economizado o equivalente a US$ 24,2 bilhões entre 1995 e 2005 com a adoção de culturas geneticamente modificadas. "Houve benefícios econômicos, com redução de custos, aumento da produtividade e aumento das exportações, e há benefícios ambientais, com redução da taxa de resíduos de defensivos no meio ambiente e otimização do consumo de água. Não será possível ao mundo dobrar a produção para atender à demanda por comida até 2025, sem adotar transgênicos", diz James. 

Para ele, prova de que o avanço dessas culturas será irreversível é o início do plantio de transgênicos em países da Europa , onde já há aprovação para chicória, cravo, fumo e milho transgênicos.

 

 

Valor Economico

Deixe seu Comentário

Leia Também

ROTEIRO ESPECIAL PARA O RIO DE JANEIRO
Roteiro diferente para continuar conhecendo o Rio de Janeiro
DICA DE TURISMO E FÉRIAS
Dicas para curtir uma temporada em Arraial do Cabo
LUTO - ESPORTE
Morre Jackelyne da Silva, ginasta da seleção brasileira, aos 17 anos
LUTO NA MÚSICA
Cantor sertanejo Marciano morre aos 67 anos, vítima de enfarto
CARNAVAL É NO CAMPO BELO RESORT
Carnaval é no Campo Belo Resort, reserve já seu lugar nesse bloco - Confira os pacotes
MS EM ALERTA
Meteorologia alerta para a possibilidade de chuva forte no fim de semana no MS
DECEPCIONADA
Regina Duarte surpreende e se posiciona contra atitude de Bolsonaro
SATÂNICO
Mulheres são presas acusadas de torturar criança de apenas dois anos que teve rosto desfigurado
INSPIRAÇÃO
Idoso se forma em Direito aos 94 anos, após morte da esposa
POLEMICA
Movimento Gay quer tirar Bíblia de circulação no Brasil, diz Damares