Menu
SADER_FULL
quinta, 23 de janeiro de 2020
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
BANNER BET
Brasil

Trabalhadores de carvoarias quer negociar reajuste salarial

20 Jul 2004 - 13h17
 

Os trabalhadores das carvoarias e indústria extrativa de Mato Grosso do Sul, que estão há 6 anos sem negociação do acordo coletivo de trabalho, vão tentar reabrir o processo de negociação com o patronato do setor, representado pela Fiems (Federação das Indústrias do Estado de Mato Grosso do Sul”. De acordo com Marcos Vinício Marin, presidente do Sitiemc/MS (Sindicato Intermunicipal dos Trabalhadores nas Indústrias Extrativas, Mineração, Madeiras e Carvão Vegetal de Mato Grosso Sul), o segmento é um dos que mais tem problemas de violação da legislação trabalhista, péssimas condições de trabalho, exploração do trabalho infantil e até trabalho escravo e encontrava-se sem representação, pois o sindicato da categoria encontrava-se desarticulado.

Conforme Marin, a entidade ficou muito tempo fechada, sem direção e “agora estamos reconstruindo a nossa organização sindical, elegemos uma nova diretoria e queremos reabrir o processo de negociação”. Ele informa também que o sindicato está em franco processo de reorganização, realizando campanha de filiação e organizando os trabalhadores da indústria extrativa de Mato Grosso do Sul. “Queremos respeito à legislação trabalhista, com melhores salários e condições de trabalho. Os carvoeiros têm seus direitos. O que é preciso é mais fiscalização para que a lei seja respeitada e um novo acordo coletivo de trabalho.”

Deixe seu Comentário

Leia Também

DOENÇA INFECCIOSA
Presos que estavam sendo 'comidos vivos' por doença são internados
HABITAÇÃO
Prefeita troca carnaval por doação de 52 moradias populares e ajuda a famílias carentes
ACIDENTE FATAL
Carreta sem freios atravessa pista, bate em dois carros matando 3 pessoas
TRAGICO ACIDENTE
Carro roda na pista e mata Pai e filha em trágico acidente
PEDOFILIA
Polícia prende pedófilo após pai se passar pela criança em conversa no WhatsApp
BURROCRACIA
Mulher sem mãos tem benefício negado por não poder assinar papel
MANÍACO DE MARITUBA
Adolescente faz sua segunda vítima atraída por promessas de emprego
100 TRANSPARÊNCIA
Brasil repete nota e piora em ranking de corrupção em 2019
ABSURDO - BRASIL
Homem morre em motel durante relação sexual com a filha
VAMOS AJUDAR - COMPARTILHE
Família oferece recompensa de R$ 5 mil a quem encontrar idoso desaparecido