Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
sexta, 14 de dezembro de 2018
SADER_FULL
Busca
CANTINA BAH
FÁTIMA DO SUL

TJ manda promover PM que salvou criança de afogamento em Fátima do Sul

6 Out 2010 - 08h10Por TJ / MS

O TJ/MS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul) mandou o Estado promover o soldado da Polícia Militar Adailson Leonel Oliveira, que reivindicou o reconhecimento de ato de bravura por ter salvo uma criança de afogamento no rio Dourados, em Fátima do Sul. Em sessão realizada nesta terça-feira, os desembargadores da 1ª Turma Cível, por maioria de votos, acataram recurso do PM.

O soldado pediu a promoção a uma grau hierárquico por ato de bravura, pois mesmo estando de folga, salvou uma criança no balneário municipal. A criança já não respirava quando foi retirada da água. A promoção foi negada em primeiro grau.

De acordo com o desembargador João Maria Lós, a promoção do policial militar por ato de bravura, embora seja ato administrativo tipicamente discricionário da administração pública, pode ter seu mérito analisado pelo Poder Judiciário, quando estiver fundado em conceito legal indeterminado e não observar o princípio da proporcionalidade. “O autor da demanda não estava em serviço no momento do salvamento; estava em um momento de lazer, assim como a família da criança que teve sua vida salva”.

Consta que o ato de bravura foi reconhecido pela Prefeitura Municipal de Fátima do Sul, pela própria Polícia Militar do Estado, pela mãe da criança salva e pela Câmara Municipal do município, de quem o soldado recebeu moção de congratulações.

Por essas razões, segundo o TJMS, a não concessão da promoção por merecimento não tem sentido, porque “o artigo 56 da Lei Complementar nº 053/90, dispõe que as promoções serão efetuadas pelo critério de antiguidade e merecimento, ou ainda por bravura e post mortem”.

O magistrado finalizou seu voto informando que o conceito de bravura implica esforço desproporcional para as condições concretas apresentadas diante da pessoa. “O policial bravo é aquele que conhece a lei e seu dever, e age em favor da comunidade, fazendo o que poucos têm disposição de concretizar”.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CASO JOÃO DE DEUS
Marina Ruy Barbosa intervém no caso João de Deus e impede uma grande tragédia
PRISÃO DECRETADA
Justiça de Goiás decreta prisão de João de Deus
STARTUPS NO BRASIL JÁ É SUCESSO
O sucesso das startups no Brasil e algumas novas apostas no mercado
REVOLTANTE
Filha de João de Deus diz que foi abusada dos 10 aos 14 anos: 'Meu pai é um monstro'
NOVELA GLOBAL
'O sétimo guardião': Robério beija Marcos Paulo e a agride ao descobrir que ela é trans
DESTAQUE MUNDIAL
Dois brasileiros estão no Top 50: melhores professores do mundo
JUSTIÇA - WHATSAPP
Administradora de grupo no WhatsApp, foi “condenada” á pagar 3 mil por discussão de membros
DICAS DE SERVIÇO DE HOSPEDAGEM NA WEB
Vai criar um blog ou um site?, saiba aqui tudo sobre o serviço de hospedagem
ALERTA NA NET
Golpe no WhatsApp engana usuários ao prometer brindes falsos de Natal
NOVELA GLOBAL
'O sétimo guardião': Luz passa mal ao abraçar e beijar a mãe pela primeira vez