Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quarta, 19 de junho de 2019
SADER_FULL
Busca
AGÊNCIA BONITO THIAGO
Brasil

TJ cassa decisão e afasta do cargo prefeito de Cassilândia

22 Jun 2007 - 13h19
O prefeito de Cassilândia, José Donizete Ferreira de Freitas (PT) foi afastado pela terceira vez do cargo este ano, por conta de processo a que responde por desvio de verba de R$ 1,7 milhão, referente a pagamento irregular das contas de água do município. O Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul (TJ/MS) reconsiderou decisão anterior e cassou liminar que suspendeu os efeitos de decisão que afastava Freitas do cargo.

O afastamento estava previsto por prazo de 180 dias, mas a defesa de Freitas havia garatido por meio de recurso judicial o retorno do prefeito, em decisão do dia 1º de junho. O Ministério Público Estadual (MPE) havia protocolado um agravo regimental em mandado de segurança, para tentar reverter a volta de Freitas ao cargo, alegando prejuízo à população, já que o prefeito é investigado por crimes de desvio de dinheiro, improbidade administrativa e superfaturamento de licitações.

O presidente da Câmara de Vereadores, Baltazar Soares (PSDB) recebeu o comunicado esta manhã, de que o desembargador Hildebrando Paschoal reconsiderou decisão anterior e decidiu manter o afastamento anteriormente decretado. Soares chegou a ficar no cargo por cerca de um mês, quando Freitas foi afastado do cargo em maio.

José Donizete Ferreira de Freitas é réu em pelo menos dois processos. Em um deles, foi indiciado com mais 13 pessoas, entre elas funcionários e ex-funcionários públicos e empresários da cidade, respondem a processo que apura o desvio de R$ 6,2 milhões da prefeitura, através de um esquema de supostas fraudes em licitações e utilização do dinheiro em agiotagem, que seria encoberto por notas fiscais frias.

 

 

TV Morena

Deixe seu Comentário

Leia Também

ATAQUE CANINO
Criança de dois anos é morta no quintal de casa por cachorro rottweiler
INFANTICIDIO
Padrasto teria sentado em cima da cabeça de bebê que morreu,foi espancado na cadeia
SOB INVESTIGAÇÃO
Jornalista do site Lei Seca Maricá foi assassinado com 3 tiros
VIDA SEDENTARIA
OMS alerta: Criança menor de 3 anos não deve ficar nem um minuto em tablet ou celular
HOMICIDIO X SUICIDIO
Pai que matou o filho de 4 anos e se matou não se conformava com namoro da ex-mulher
DOENÇA DO SÉCULO
Jovem de 19 anos, com depressão comete suicídio e comove amigos
ASSASSINATO CRUEL
O massacre do menino Rhuan e o silêncio da grande mídia
FAMOSIDADES
Homem discute com mulher e mata bebê de quatro meses
SOLIDARIEDADE
Bebê nasce sem os olhos e mobiliza cidade do Paraná
TRAGÉDIA NA FAMILIA
Pai mata filho de quatro anos e se mata por não aceitar fim do relacionamento