Menu
LIMIT ACADEMIA
sábado, 19 de janeiro de 2019
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
CANTINA BAH
Brasil

Tião quer agentes de saúde na zona rural de Glória de Dourados

6 Set 2007 - 16h49

O Vereador Sebastião Pereira (PSDB), da Câmara Municipal de Glória de Dourados apresentou Indicação a Prefeita Vera Regina Dalcin Baur, com cópia destinada a  Delma Ponciano Ferrari, Secretária Municipal de Saúde, após ouvido o colendo Plenário da Câmara Municipal nessa última terça- feira, no intuito de concentrar esforços com o objetivo de atender a população da zona rural através dos Agentes do PAC´s – Programa de Agentes Comunitários de Saúde.

 

Na condição de lídimo representante da população gloriadouradense na tribuna desta Poder Legislativo, temos recebido inúmeras reivindicações para propormos à Prefeita Municipal, Drª Vera Regina Dalcin Baur, condições reais e positivas no que tange respeito ao atendimento na área de saúde aos moradores da zona rural.

 

Sabemos claramente que a Saúde em nosso país é descentralizada, tanto que, um percentual orçamentário é destinado com esta finalidade, porém, estamos sendo convocados por aqueles que residem em linhas e áreas rurais e que não estão sendo devidamente contemplados, conforme os ditames da lei.

 

Nossa intervenção neste sentido é de que possa ser estudada uma forma que tenha maior amplitude, que atinja todos os quadrantes do nosso Município, principalmente levando-se em consideração a marginalização dos ruralistas neste setor qualificativo, onde deve também, prevalecer à justiça social. Este pelo menos, é o clamor da nossa população rural que preconiza com evidências próprias, a urgente necessidade do atendimento por parte do Poder Público Municipal, pois, são ignorados em seus próprios redutos.

 

Como exemplo cristalino, podemos citar o município limítrofe de Jateí, onde os vizinhos recebem rotineiramente a visita dos Agentes Comunitários de Saúde, prestando atendimento à população da zona rural numa demonstração de que, o Poder Constituído avizinhado demonstra mais seriedade e preocupação neste setor tão primordial.

 

Tal exemplo poderia ser seguido pelas nossas autoridades constituídas. Desta forma, estaríamos prestando um serviço condizente com a realizada e a necessidade de cada cidadão e cidadã que habitam as terras gloriadouradenses.

 

Portanto, seria de bom alvitre o Poder Executivo Municipal envidar esforços no sentido de priorizar estas ações tão absolutamente necessárias ao povo da zona rural que estão desamparados na área de saúde, principalmente a preventiva.

 

Acreditamos no bom senso e na capacidade de desenvolver um trabalho significativo neste setor e nesta área, pois sabemos que a Prefeita é uma mulher de ações concretas e que tem amplo conhecimento devido ser versada em medicina. Acreditamos na administração municipal, cremos na autenticidade e na vontade, porém, é preciso que todos recebam condignamente o mesmo tratamento, porque a desigualdade, é um fator que não deve prevalecer em uma administração que preza pelos interesses de todos os cidadãos, mesmo aqueles que estejam incrustados em quaisquer recantos e, em todos os quadrantes desta terra chamada de – Glória de Dourados.

 

 

 

Fátima News

Deixe seu Comentário

Leia Também

ROTEIRO ESPECIAL PARA O RIO DE JANEIRO
Roteiro diferente para continuar conhecendo o Rio de Janeiro
DICA DE TURISMO E FÉRIAS
Dicas para curtir uma temporada em Arraial do Cabo
LUTO - ESPORTE
Morre Jackelyne da Silva, ginasta da seleção brasileira, aos 17 anos
LUTO NA MÚSICA
Cantor sertanejo Marciano morre aos 67 anos, vítima de enfarto
CARNAVAL É NO CAMPO BELO RESORT
Carnaval é no Campo Belo Resort, reserve já seu lugar nesse bloco - Confira os pacotes
MS EM ALERTA
Meteorologia alerta para a possibilidade de chuva forte no fim de semana no MS
DECEPCIONADA
Regina Duarte surpreende e se posiciona contra atitude de Bolsonaro
SATÂNICO
Mulheres são presas acusadas de torturar criança de apenas dois anos que teve rosto desfigurado
INSPIRAÇÃO
Idoso se forma em Direito aos 94 anos, após morte da esposa
POLEMICA
Movimento Gay quer tirar Bíblia de circulação no Brasil, diz Damares