Menu
SADER_FULL
sábado, 18 de janeiro de 2020
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
BANNER BET
Brasil

Tetila e Bela Barros devem polarizar em Dourados

1 Jul 2004 - 07h16
A eleição em Dourados deverá ficar polarizada entre o atual prefeito Laerte Tetila(PT) e Bela Barros (PDT). Os dois conseguiram formar alianças com os principais partidos e agora partem em busca dos votos dos cerca de 115 mil eleitores.
 
Laerte Tetila sempre foi o candidato natural do Partido dos Trabalhadores e mesmo com alguma dificuldade dentro das várias tendências do partido conseguiu unir os “companheiros” em torno do seu nome.
 
Já a vereadora Bela Barros só teve seu nome efetivado depois de várias desistências dentro da linha sucessória da oposição. O deputado federal Murilo Zauith, do PFL, não aceitou a disputa e o ex-deputado Marçal Filho,do PMDB, não conseguiu viabilizar sua candidatura. Os dois eram os líderes das pesquisas de intenção de voto.
 
Bela ainda foi beneficiada com a retirada da candidatura do empresário Fernando Rocha, do PL, que saiu da disputa e levou seu partido para apoiar Laerte Tetila.
 
Com boa penetração na periferia da cidade Bela Barros é suplente a uma vaga na Assembléia Legislativa e contará com o apoio dos maiores partidos de oposição da cidade.
 
O atual prefeito Laerte Tetila aposta na sua administração para buscar mais um mandato. Ele prega que o alinhamento dos poderes (municipal, estadual e federal) como uma arma poderosa para que o município busque o desenvolvimento em todos os setores.
 
Além de Bela e Tetila, o radialista José Roberto Gomes da Costa, do PRONA, é o terceiro candidato de Dourados. Até a noite de ontem ele enfrentava problemas dentro do partido e não tinha definido sua chapa de vereadores e nem o nome do seu vice.
 
Com pouca expressão política e sem muita estrutura ele disse que espera  surpreender nas urnas com o voto dos eleitores que estão insatisfeitos com os políticos tradicionais. (Antonio Coca).

 

Dourados News


Deixe seu Comentário

Leia Também

CANCELAMENTO DE BOLSA FAMILIA EM 2019
Governo federal cancelou 1,3 milhão de benefícios do Bolsa Família em 2019 por irregularidades
CELULAR
Brasil é o 3º país em que pessoas passam mais tempo em aplicativos
A CASA CAIU
Mulher acha que marido morreu, busca detetive e descobre traição: 'Agora é ex'
LUTO - IASD
Morre primeiro líder máster de desbravadores investido no Brasil
OVNI OU SATÉLITE?
Objetos não identificados no céu chamam a atenção de moradores
SANGUE FRIO
Homem mata desafeto e continua vendendo picolé nas ruas da cidade
PERIGO DA NARGUILÉ
Jovem contrai doença após fumar narguilé e alerta: 'Abandonem essa porcaria'
100 CULTURA
Escola joga pela janela livros que recebeu como doação
EMPREGADO
Jovem que salvou criança de ataque de pitbull consegue emprego
DINHEIRO NA PRAÇA
Começa hoje o pagamento de abono salarial do PIS-Pasep