Menu
LIMIT ACADEMIA
segunda, 21 de janeiro de 2019
SADER_FULL
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Técnico do Milan evita comparações entre Pato e Kaká

3 Ago 2007 - 10h30

Carlo Ancelotti, treinador do Milan, falou sobre Alexandre Pato, contratado pelo time italiano na última quarta-feira, quando foi paga a multa rescisória de US$ 20 milhões (cerca de R$ 37 milhões) ao Internacional. O técnico elogiou a contratação do atacante, mas avisou aos torcedores que a nova aquisição não está no mesmo nível que o compatriota Kaká, hoje estrela da equipe, estava quando chegou ao clube, em 2003.

"Pato é um grande talento, tem qualidade, mas deve ser considerado em perspectiva. É um caso diferente em comparação ao Kaká, que chegou já como uma certa notoriedade e mais velho", comparou em entrevista concedida em Moscou, onde o Milan se prepara para torneio amistoso.

Ancelotti falou ainda que vê o atacante brasileiro como uma promessa para o futuro. "Pato é jovem, um jogador forte, mas precisamos dar a ele tempo para que amadureça e cresça", afirmou.

O técnico concluiu a idéia elogiando o atual grupo do time. "O Milan decidiu investir em um jovem jogador, que pode nos ajudar no futuro, pois o time campeão europeu é bom e difícil de ser melhorado", analisou.

 

 

Terra Redação

Deixe seu Comentário

Leia Também

MORTE A ESCLARECER
Exército investiga morte de sargento após teste de aptidão física
CASO DE POLÍCIA
Rapaz morre em pátio de motel
MINISTRA DO MS NO GOVERNO BOLSONARO
Ministra Tereza Cristina garante fortalecer cadeia do leite e agricultura familiar
PROBLEMAS MENTAIS
Casal é brutalmente agredido a enxadadas pelo filho
BARRADO
Filho do cantor Marciano diz ter sido impedido de ir no velório do pai
A COBRA VAI FUMAR - SEGURANÇA NO MS
MS fecha o cerco contra a violência na fronteira em mega operação
LUTO NA MÚSICA
Marcelo Yuka, fundador do Rappa morre aos 53 anos
ROTEIRO ESPECIAL PARA O RIO DE JANEIRO
Roteiro diferente para continuar conhecendo o Rio de Janeiro
DICA DE TURISMO E FÉRIAS
Dicas para curtir uma temporada em Arraial do Cabo
LUTO - ESPORTE
Morre Jackelyne da Silva, ginasta da seleção brasileira, aos 17 anos