Menu
SADER_FULL
sábado, 19 de janeiro de 2019
LIMIT ACADEMIA
Busca
ITALÍNEA
Brasil

TCE fará auditoria em cinco prefeituras

13 Out 2004 - 10h08

O presidente do TCE (Tribunal de Contas do Estado), José Ancelmo dos Santos, informou agora há pouco que vai encaminhar uma equipe de auditores para fiscalizar as contas das prefeituras de Bandeirante, Selvíria, Ivinhema, Ribas do Rio Pardo e Caronel Sapucaia. No caso desse último município, o presidente do TCE explicou que os auditores devem chegar ainda nesta semana.

Ainda conforme José Ancelmo, as equipes de auditores do TCE vão fiscalizar as contas dessas administrações que apresentaram irregularidades, sendo que em alguns desses municípios os prefeitos já foram afastados do cargo. Conforme o presidente do TCE, os principais problemas são licitações irregulares, a não aplicação dos percentuais determinados por lei, problema em contrato de obras e irregularidades na prestação de contas.

O presidente do TCE informou ainda que vai promover um encontro com os prefeitos eleitos para conversa melhor sobre o que é preciso fazer para manter as contas em dia. A intenção de José Ancelmo é evitar que acontece com os novos administradores os problemas detectados em algumas das prefeituras do Estado.


Deixe seu Comentário

Leia Também

ROTEIRO ESPECIAL PARA O RIO DE JANEIRO
Roteiro diferente para continuar conhecendo o Rio de Janeiro
DICA DE TURISMO E FÉRIAS
Dicas para curtir uma temporada em Arraial do Cabo
LUTO - ESPORTE
Morre Jackelyne da Silva, ginasta da seleção brasileira, aos 17 anos
LUTO NA MÚSICA
Cantor sertanejo Marciano morre aos 67 anos, vítima de enfarto
CARNAVAL É NO CAMPO BELO RESORT
Carnaval é no Campo Belo Resort, reserve já seu lugar nesse bloco - Confira os pacotes
MS EM ALERTA
Meteorologia alerta para a possibilidade de chuva forte no fim de semana no MS
DECEPCIONADA
Regina Duarte surpreende e se posiciona contra atitude de Bolsonaro
SATÂNICO
Mulheres são presas acusadas de torturar criança de apenas dois anos que teve rosto desfigurado
INSPIRAÇÃO
Idoso se forma em Direito aos 94 anos, após morte da esposa
POLEMICA
Movimento Gay quer tirar Bíblia de circulação no Brasil, diz Damares