Menu
SADER_FULL
quarta, 16 de janeiro de 2019
LIMIT ACADEMIA
Busca
CANTINA BAH
Brasil

Taxa de juros deverá ser mantida em 16%, prevê Merrill Lynch

17 Ago 2004 - 13h44
A taxa Selic deverá ser mantida em 16% ao ano, sem viés, na próxima reunião do Comitê de Política Monetária (Copom), a ser realizada entre amanhã e quarta-feira em Brasília. A previsão é do Merrill Lynch e vai ao encontro do que espera a maioria do mercado financeiro. A instituição observou que, desde o último encontro do Copom, quando o IPCA foi pressionado por reajustes de tarifas, os índices inflacionários têm mostrado desaceleração. O banco citou, também, que a baixa dos preços nas vendas no atacado e no varejo tem aliviado alguns indicadores inflacionários. Ao mesmo tempo, completou a Merrill Lynch, as expectativas do mercado para o IPCA em 12 meses subiram de 6,28% para 6,40% e, para 2005, ficaram estáveis em 5,50%. Considerando o aumento das taxas reais dos contratos futuros de juros para 360 dias, bem como o aumento dos preços do petróleo no mercado internacional, a instituição justifica uma pausa da queda da taxa Selic. Em relatório enviado a clientes, a Merrill Lynch também reforça que dados divulgados recentemente apontam forte crescimento econômico, o que inspiraria cautela ao BC. No mês de junho, a produção industrial teve variação positiva de 13% em relação ao mesmo período do ano passado, a maior taxa de crescimento desde fevereiro de 2000. A instituição indica, também, que a mensagem da última ata do Copom reforça a expectativa de maior conservadorismo. No relatório, o Banco Central afirmou estar pronto para adotar uma postura mais ativa caso se consolide "um cenário de divergência entre a inflação projetada e a trajetória das metas, com uma eventual exacerbação dos fatores que levaram ao aumento recente das projeções de inflação para 2004 e 2005".

Na ata, o Copom deixou claro que a manutenção do juro nos níveis atuais por um período prolongado deverá criar um cenário benigno para a inflação, "com convergência das expectativas de inflação dos agentes privados e da inflação efetivamente ocorrida para a trajetória das metas estabelecidas pelo Conselho Monetário Nacional (CMN)".
 
 
Últimas Notícias

Deixe seu Comentário

Leia Também

GASES MORTAIS
Homem morre após segurar peidos na casa da namorada
REALITY SHOW
'BBB 19': Danrley diz ser virgem, e irmã brinca: 'Nem no signo'
ALERTA
Smartphone afeta a saúde mental, e o dano pode começar em crianças de 2 anos!
TRAGÉDIA
“Tentei socorrer ele, mas não deu certo”: conta filho de motociclista levado por enxurrada
FURIA DA NATUREZA
Enxurrada derruba casa e provoca pânico e destruição
NOVELA GLOBAL
Gabriel e Valentina viram inimigos mortais em 'O sétimo guardião'
REALITY SHOW
BBB 19 começa hoje. Na Rocinha Casa de Darnrley vira "QG" de Torcida
POSSE DE ARMAS
Bolsonaro assina nesta terça-feira decreto que facilita posse de armas
HEROINA
Professora Helley, que salvou crianças de incêndio em Janaúba, é homenageada e dá nome a rodovia
FAMOSIDADES
Doente, José Mayer foi esquecido pela Globo e abandonado por ‘Amigos’