Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
segunda, 17 de junho de 2019
LIMIT ACADEMIA
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

STJ determina reintegração de servidor público demitido após mais de 25 anos de trabalho

5 Set 2013 - 10h43Por STJ

A Terceira Seção do Superior Tribunal de Justiça determinou a reintegração de servidor do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento que tinha sido demitido após mais de 25 anos de exercício no mesmo órgão.

Há informações no processo de que ele, como coordenador de Administração Financeira, Material e Patrimônio, teria publicado no Diário Oficial da União despesas com inexigibilidade de licitação em valores inferiores aos contratados com a empresa JFM Informática.

O processo administrativo disciplinar foi instaurado e a Controladoria-Geral da União concluiu pela caracterização de atos de improbidade administrativa e o servidor foi demitido. A defesa alegou que a conduta do servidor limitou-se, dentro do valor orçamentário disponível, a autorizar o valor contratado.

Para a relatora, ministra Laurita Vaz, não foi comprovado que as ações do servidor possam ser tipificadas como atos de improbidade administrativa. Isso porque segundo ela, não foi demonstrada má-fé, deslealdade ou desonestidade e, além disso, não houve dano ao erário, pois os serviços foram contratados sem evidência de superfaturamento e foram efetivamente realizados.

Além disso, o Tribunal de Contas da União entendeu que a conduta do servidor não violou a dignidade da função pública a ponto de justificar a demissão. Para o TCU, houve mera irregularidade, que justifica a aplicação de multa no valor de R$ 3.500. Segundo a ministra a pena aplicada foi desproporcional e por isso determinou a reintegração do servidor ao cargo.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ASSASSINATO CRUEL
O massacre do menino Rhuan e o silêncio da grande mídia
FAMOSIDADES
Homem discute com mulher e mata bebê de quatro meses
SOLIDARIEDADE
Bebê nasce sem os olhos e mobiliza cidade do Paraná
TRAGÉDIA NA FAMILIA
Pai mata filho de quatro anos e se mata por não aceitar fim do relacionamento
ASSASSINATO
Marido da deputada é morto a tiros
MULHER DO PRESIDENTE
Esposa de Jair Bolsonaro cai na internet, fotos íntimas são exibidas e todos ficam sem acreditar
DOURADOS - MANIFESTAÇÕES
Dono da Havan manda 'recado' a manifestantes após protesto em frente a loja de Dourados
VENENOSA
Agricultor é picado por cobra jararaca
FORÇA DE VONTADE
Advogado que pedia emprego na rua é contratado e ganha pós-graduação
CASO DE POLÍCIA
Filho mata a mãe e rouba seu cartão para comprar cocaína