Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quarta, 19 de junho de 2019
SADER_FULL
Busca
AGÊNCIA BONITO THIAGO
Brasil

Sobe para 190 o número de famílias atingidas pela chuva

28 Set 2010 - 13h28Por Assecom

A Defesa Civil de Dourados identificou até a manhã desta terça-feira, 190 famílias da cidade e da zona rural, atingidas pela chuva desde sábado à noite, quando ocorreu o temporal de granizo. Pelo menos 15 famílias tiveram que ser removidas após a chuva de granizo destruir o telhado das casas.

Entre os locais mais atingidos estão as sitiocas Ouro Fino, Alvorada, Bela Vista e Abaeté. No perímetro urbano foram atingidas famílias que residem em vários bairros e em locais impróprios, entre elas as que moram em barracos às margens do Córrego Rego D’Água, nas imediações da Vila Brasil 500.

No local, diversas famílias tiveram os barracos danificados pelo temporal. A Defesa Civil socorreu as famílias com a distribuição de lonas, mas a situação ainda é bastante crítica por causa da lama e dos alagamentos, já que a chuva não dá trégua.

O coordenador da Defesa Civil, João Vicente Chencarek, disse que a maior dificuldade é o acesso a esses moradores, já que são locais são impróprios para moradia.

O juiz prefeito interino Eduardo Machado Rocha determinou a compra emergencial de pelo menos nove mil metros de lonas para atender as famílias mais necessitadas. Na segunda-feira ele percorreu diversos locais onde as famílias foram atingidas e também determinou providencias urgentes da Assistência Social.

A Secretaria Municipal de Assistência Social, em parceria com a Defesa Civil, vem distribuindo lonas e cestas básicas para as famílias atingidas pelo temporal.

Conforme a secretária Itaciana Pires Santiago, as assistentes sociais vêm percorrendo os bairros e cadastrando as famílias que estão em situação difícil para prestar atendimento de emergência.

De acordo com Itaciana, as famílias que não podem permanecer em suas casas e não têm para onde ir estão sendo socorridas na Casa da Acolhida. “É um atendimento de emergência até que a chuva dê uma trégua e essas famílias possam voltar para casa”, ressaltou Itaciana.

Deixe seu Comentário

Leia Também

VIDA SEDENTARIA
OMS alerta: Criança menor de 3 anos não deve ficar nem um minuto em tablet ou celular
HOMICIDIO X SUICIDIO
Pai que matou o filho de 4 anos e se matou não se conformava com namoro da ex-mulher
DOENÇA DO SÉCULO
Jovem de 19 anos, com depressão comete suicídio e comove amigos
ASSASSINATO CRUEL
O massacre do menino Rhuan e o silêncio da grande mídia
FAMOSIDADES
Homem discute com mulher e mata bebê de quatro meses
SOLIDARIEDADE
Bebê nasce sem os olhos e mobiliza cidade do Paraná
TRAGÉDIA NA FAMILIA
Pai mata filho de quatro anos e se mata por não aceitar fim do relacionamento
ASSASSINATO
Marido da deputada é morto a tiros
MULHER DO PRESIDENTE
Esposa de Jair Bolsonaro cai na internet, fotos íntimas são exibidas e todos ficam sem acreditar
DOURADOS - MANIFESTAÇÕES
Dono da Havan manda 'recado' a manifestantes após protesto em frente a loja de Dourados