Menu
PASSARELA
terça, 17 de julho de 2018
SADER_FULL
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Sistema de ensino poderá aproveitar serviço comunitário

13 Ago 2004 - 17h53
Os sistemas de ensino deverão prever como tempo de estágio os serviços sociais e comunitários desenvolvidos pelos alunos, por iniciativa própria ou da instituição a que estejam vinculados, em especial os voltados para a educação popular. É o que determina o Projeto de Lei 3622/04, do deputado Gilmar Machado (PT-MG), que modifica a Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (LDB).
O autor observa que se multiplicam pelo País experiências de estudantes que, individual ou coletivamente, têm se dedicado voluntariamente a serviços comunitários voltados para a educação popular, como cursinhos alternativos de alfabetização, educação de jovens e adultos e também em outras áreas, como saúde, meio ambiente e moradia, sempre com o traço característico de atender populações carentes.

Tramitação
O projeto foi apensado ao PL 2853/03, do Poder Executivo, que cria o Programa de Apoio ao Estudante do Ensino Superior (PAE). A proposta, que tramita em caráter conclusivo, encontra-se na Comissão de Educação e Cultura, onde será relatada pelo deputado Gastão Vieira (PMDB-MA). Se aprovada, seguirá para as comissões de Finanças e Tributação; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.

Deixe seu Comentário

Leia Também

GRANA
Governo antecipa primeira parcela do 13º de aposentados e pensionistas
NOVELA GLOBAL
'Segundo sol': Severo é preso e humilha Roberval
FUTEBOL PELO MUNDO
Real Madrid se recusa a permitir que Vinícius Júnior permaneça no Flamengo até o final de 2018
NOVELA GLOBAL
'Segundo sol': Luzia descobre que seu filho com Beto não morreu
CONCURSOS - OPORTUNIDADES
Concurso: 13 órgãos abrem as inscrições para 1,9 mil vagas nesta segunda
FOI SALVAR O MELHOR AMIGO
Jovem morre afogado após pular em rio para tentar salvar cachorro
EDUCAÇÃO - FIES - INSCRIÇÕES
Fies abre inscrições nesta segunda com 155 mil vagas para 2º semestre
BOA NOTICIA
Preço da gasolina nas refinarias cai para R$ 1,997
NOVELA GLOBAL
'Segundo sol': Karola vira escrava sexual de Remy
BRIGA DE RUA
Homem morre pendurado em grade