Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
segunda, 17 de dezembro de 2018
SADER_FULL
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Sensação, Santos encara força do Vitória no Barradão por título

4 Ago 2010 - 12h20Por Gazeta Esportiva


Sensação do futebol brasileiro na temporada, o Santos tenta contra o Vitória, nesta quarta-feira, às 21h50, no Barradão, conquistar o seu segundo título no ano: o da Copa do Brasil - que garante vaga na próxima edição da Copa Libertadores da América. Atual campeão paulista, o Peixe terá que superar a força do Rubro-Negro jogando em seu estádio para sair com mais um título.

E nessa disputa, os santistas contam com uma boa vantagem, já que venceram os baianos no primeiro jogo, por 2 a 0, na semana passada, na Vila Belmiro. Desta forma, o Alvinegro Praiano pode até perder por um gol de diferença ou por dois gols de diferença, desde que marque um fora de casa, para ficar com a taça.

Mas, no Peixe, ninguém quer saber de apenas se apoiar na vantagem adquirida. "O Santos nunca alterou o seu comportamento em campo e não vai ser nesse momento, jogando contra um adversário forte como o Vitória, em sua casa, o Barradão, que vai ser diferente. A nossa equipe vai continuar priorizando atacar. Não podemos mudar o padrão de jogo de um time que se mostrou eficiente", afirmou o técnico Dorival Júnior.

Apostando na vocação ofensiva de sua equipe, o treinador santista irá manter o esquema com três atacantes, com Neymar, Robinho e André. Com isso, Marquinhos, autor do segundo gol na vitória do Peixe no confronto de ida, irá ficar como opção no banco de reservas.

Na lateral esquerda, o jovem Alex Sandro agradou a Dorival no primeiro duelo e deve ficar com a posição de titular, já que o veterano Léo não teve uma sequência de jogos (voltou apenas contra o Grêmio-SP, no último domingo, pelo Brasileirão) para readquirir a sua melhor condição física, após ter ficado parado por conta de uma lesão na coxa esquerda.

Preparado para a decisão, o único ponto que ainda preocupa o Peixe é o estado do gramado do Barradão. Como no último final de semana, as chuvas castigaram o campo do Rubro-Negro, os atletas sabem que terão de mostrar muita raça e superação para que as más condições do gramado não atrapalhem o desempenho do Santos.

"Vamos jogar da mesma forma como foi durante todo o campeonato. Sabemos da grande força que o Vitória tem no Barradão, assim como sabemos que o campo não está tão propício ao nosso estilo de jogo. Porém, vamos procurar superar tudo com muita garra e vontade durante os 90 minutos", comentou o meia Wesley.

Já no Vitória, todos têm consciência de que a tarefa de reverter a vantagem construída pelo Alvinegro Praiano não é das mais fáceis, mas também não é impossível. Com um triunfo por 2 a 0, os baianos levam à definição do título para os pênaltis. Se vencer por três gols de diferença, o Vitória leva a taça sem precisar das cobranças de penalidades.

Só que para o técnico Ricardo Silva, os seus comandados não podem se lançar desordenadamente ao ataque. Afinal, os santistas possuem um contra-ataque muito rápido e que costuma ser bastante eficiente.

"Vamos ter que mudar um pouco a nossa maneira de atuar. Nós precisamos levantar a cabeça na hora de fazer o último passe e errar o mínimo possível. Temos que jogar com mais inteligência em campo e falar mais. É preciso ter tranquilidade. Sabemos das nossas qualidades e limitações, mas vamos jogar em busca do resultado", disse Silva.

Para a final, o treinador baiano não poderá contar com o volante Vânderson, que recebeu o terceiro cartão amarelo na primeira partida da decisão, e está suspenso. Ricardo Silva deve escalar Bida em seu lugar.

O comandante rubro-negro pode optar também por outras mudanças como a entrada de Renato no lugar de Fernando, na meia. Taticamente também podem haver alterações, como a possibilidade do atacante Júnior ser escalado na vaga do meia Ramon, formando um trio ofensivo (com Elkeson e Schwenck), para que o Vitória busque tirar a diferença construída pelo clube paulista no primeiro embate entre os dois times.

Vale destacar também que o goleiro colombiano Viáfara já cumpriu suspensão e volta a ser o titular da camisa 1 do Rubro-Negro nesta quarta. Outro "reforço" do Vitória deve ser o lateral direito Nino, que, recuperado de contusão, só não será titular na ala direita se o técnico dos baianos optar pela improvisação do zagueiro Gabriel no setor, para a decisão.

FICHA TÉCNICA
VITÓRIA X SANTOS

Local: Estádio Barradão, em Salvador (BA)
Data: 4 de agosto de 2010, quarta-feira
Horário: 21h50 (de Brasília)
Árbitro: Carlos Eugênio Simon (Fifa-RS)
Assistentes: Altemir Hausmann (Fifa-RS) e Erich Bandeira (Fifa-PE)

VITÓRIA: Viáfara; Nino (Gabriel), Wallace, Anderson Martins e Egídio; Neto Coruja, Bida, Fernando (Renato) e Ramon (Júnior); Elkeson e Schwenck
Técnico: Ricardo Silva

SANTOS: Rafael; Pará, Edu Dracena, Durval e Alex Sandro; Arouca, Wesley e Paulo Henrique Ganso; Neymar, Robinho e André
Técnico: Dorival Júnior

Deixe seu Comentário

Leia Também

ACIDENTE
Criança de dois anos se enforca com a alça da bolsa enquanto brincava em escola
CASO JOÃO DE DEUS
Marina Ruy Barbosa intervém no caso João de Deus e impede uma grande tragédia
PRISÃO DECRETADA
Justiça de Goiás decreta prisão de João de Deus
STARTUPS NO BRASIL JÁ É SUCESSO
O sucesso das startups no Brasil e algumas novas apostas no mercado
REVOLTANTE
Filha de João de Deus diz que foi abusada dos 10 aos 14 anos: 'Meu pai é um monstro'
NOVELA GLOBAL
'O sétimo guardião': Robério beija Marcos Paulo e a agride ao descobrir que ela é trans
DESTAQUE MUNDIAL
Dois brasileiros estão no Top 50: melhores professores do mundo
JUSTIÇA - WHATSAPP
Administradora de grupo no WhatsApp, foi “condenada” á pagar 3 mil por discussão de membros
DICAS DE SERVIÇO DE HOSPEDAGEM NA WEB
Vai criar um blog ou um site?, saiba aqui tudo sobre o serviço de hospedagem
ALERTA NA NET
Golpe no WhatsApp engana usuários ao prometer brindes falsos de Natal