Menu
RIO_DOURADOS
segunda, 21 de maio de 2018
SADER_FULL
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Senai de Dourados lança o 1º Concurso de Maquetes Industriais

10 Jun 2010 - 09h28Por Fátima News com Assessoria

O Cetec Senai Dourados lançou, na semana passada, o 1º Concurso de Maquetes Industriais para complementar a aprendizagem dos alunos da entidade no município. A cerimônia de lançamento foi realizada no auditório da unidade e contou com a presença de todos os alunos dos cursos técnicos e professores.

A coordenadora pedagógica da Cetec Senai Dourados, Flavia Dias, explicou aos alunos e professores a importância da atividade para complementar a formação. Já o organizador e a coordenadora do concurso, Marcos Dias e Daniely Sotolani, respectivamente, detalharam os objetivos e a metodologia da iniciativa.

Ainda na cerimônia de lançamento, os alunos do curso técnico em açúcar e álcool apresentaram as maquetes desenvolvidas por eles e aproveitaram para fazer um depoimento sobre o processo de construção das maquetes. A premiação do concurso vai ser durante o 4º Workshop de Automação e Tecnologia, que será realizado em Dourados de 20 a 25 de setembro.

O 1º Concurso de Maquetes Industriais é aberto para todos os alunos matriculados regularmente no Cetec Senai Dourados e as maquetes serão avaliadas por júri popular e júri técnico composto pelos profissionais do Senai. As três melhores maquetes nas categorias aprendizagem industrial e habilitação técnica serão premiadas.

Segunda a professora Daniely Sotolani, coordenadora do concurso, o desenvolvimento de atividades práticas em sala de aula coloca o aluno em contato com a realidade, pois somente com o ensino teórico fica difícil visualizar o processo industrial. “A aula prática torna mais dinâmico o processo de ensino-aprendizagem, permitindo uma visualização tangível do processo industrial e a relação professor-aluno fica mais próxima, além de aumentar a motivação dos alunos”, disse.

A aluna Priscila de Paula, que faz o curso técnico em açúcar e álcool do Cetec Senai Dourados e confeccionou uma maquete industrial para o dia do lançamento do concurso, ressalta que a elaboração do trabalho contribuiu para o seu aprendizado, “Ao fazer a maquete, trouxe para dentro da sala de aula o cenário industrial, tornando dessa forma mais prático e dinâmico o método adotado pela professora”, declarou.

Ela reforça que com isso a professora trabalhou com os alunos os três canais sensoriais: o auditivo, que é a busca e a troca de informações para elaboração do projeto; o cinestésico, que é justamente o trabalho em equipe e principalmente; e o visual, que enriqueceu a prática em sala de aula.

Deixe seu Comentário

Leia Também

FÁTIMA DO SUL - PARALISAÇÃO NACIONAL
Caminhoneiros prometem fechar rodovia nesta segunda-feira das 07h às 18h em Fátima do Sul
NOVELA GLOBAL
'Segundo sol': Luzia descobre armação de Karola contra ela
EMOCIONANTE
Alunos arrecadam dinheiro para professor cearense que não recebe salário há mais de 2 meses
TRAIÇÃO
Jovem desabafa sobre traição de mãe com marido: "Fui largada para morrer na UTI"
FATALIDADE
Aluno de 12 anos morre após ser atingido por trave de gol
HEROI
‘Perdeu tiozão”: guarda municipal impede assalto a loja e troca tiros com suspeitos
AMIGO DO HOMEM
Cão de Kid Vinil morre dias antes de completar um ano da morte do cantor
QUADRILHA
Site falso engana interessados em tirar carteira de motorista de graça
RECEPTAÇÃO - CORPO RECONHECIDO
Jovem que aparece em vídeo sendo executada é reconhecida pela família
NOVELA GLOBAL
Maura, papel de Nanda Costa em 'Segundo sol', se envolve com outra mulher