Menu
SADER_FULL
sábado, 24 de agosto de 2019
LIMIT ACADEMIA
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

Seminário vai discutir saúde da população negra

17 Ago 2004 - 10h47
O 1º Seminário Nacional de Saúde da População Negra, que começa amanhã (18), "representa um excelente avanço em termos de igualdade racial", afirmou hoje a chefe de gabinete da Secretaria de Promoção da Igualdade Social, Maria Inês Barbosa, ao jornal MBR Manhã, da TV a cabo da Radiobrás. O evento, segundo ela, é histórico e reunirá gestores municipais e estaduais do Sistema Único de Saúde de todo o Brasil, pesquisadores e representantes de entidades da sociedade civil.

O seminário, disse Maria Inês, representa um avanço "porque se reconhece que vivemos num país racista". Ela afirmou que a própria criação da Secretaria demonstra isso. "O Estado reconhece que vivemos em um país racista. E o racismo ele também impactua de forma negativa na saúde da população. Então o histórico é reconhecer que, apesar dos avanços na saúde, com o Sistema Único, você reconhece que existe singularidade da população negra pautada pelo racismo”, disse.

Maria Inês informou que, atualmente, a população negra representa 50% da população brasileira e que o perfil da saúde da população negra é a precocidade dos óbitos. “Nós temos um maior índice de mortalidade infantil, um risco maior de mortalidade materna, uma prematuridade dos óbitos do homem negro por exemplo, matado pela violência,” afirmou.

O seminário, segundo ela, é uma etapa de um processo que se iniciou na 12ª Conferência Nacional de Saúde, realizada no final do ano passado, que também se constituiu com um marco, "porque a população negra, o movimento negro, organizado dentro da conferência, conseguiu colocar algumas questões relativas à saúde da população negra. Nesse processo houve a elaboração do Plano Nacional de Saúde, onde o governo reconhece que existe uma diferença relativa à saúde da população negra", acentuou.
 
 
Agência Brasil

Deixe seu Comentário

Leia Também

A CASA CAIU
Homem pede divórcio ao descobrir que não é pai de nenhum dos nove filhos
ESTADO GRAVE
Homem ateia fogo em mulher e filha de 4 anos 80% do corpo queimado
SURPRESA E FÉ
Homem que morava em uma barraca ganha casa reformada
JUSTIÇA PROPRIAS MÃOS
Suspeito de ter estuprado criança é assassinado por lideranças de bairro
ASSISTA A REPORTAGEM
Família da modelo Mylena Mendes, que morreu em acidente faz protesto no Fórum
NOVELA GLOBAL
Régis confessa que forjou DNA de Arthur em 'A dona do pedaço'
FOGO NA AMAZONIA
Macron diz que Bolsonaro mentiu, e Europa ameaça retaliar Brasil
TURISMO
Curtir a Cidade Maravilhosa com pacotes de viagens baratos
FUTEBOL - PAIXÃO NACIONAL
Uma estrutura confiável para resultados de futebol
POSSE DE ARMA
Posse de arma em toda extensão da fazenda é aprovada e segue para sanção