Menu
SADER_FULL
sexta, 22 de fevereiro de 2019
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Seminário amanhã na Assomasul discute aplicação do Fundeb

2 Abr 2007 - 15h41
 

Prefeitos e secretários municipais de educação participam nesta terça-feira, de seminário promovido pela Assomasul (Associação dos Municípios de Mato Grosso do Sul) sobre a aplicação do Fundeb (Fundo de Manutenção e Desenvolvimento do Ensino Básico).

O seminário "Financiamento da Educação: o que muda com o Fundeb" está sendo organizado em todo o País pela CNM (Confederação Nacional de Municípios) por meio da Escola Brasileira de Gestão Pública e será aberto às 8h30, no plenário da Assomasul, em Campo Grande.

A secretária de Estado de Educação Nilene Badeca, confirmou presença no evento, do qual também devem participar representantes do MEC (Ministério da Educação e Cultura).

A idéia é discutir um novo mecanismo de financiamento da educação básica, já que a Medida Provisória (nº 339/2006) que regulamenta o Fundo entrou em vigor em 1º de janeiro deste ano e as prefeituras precisam se adequar.

O presidente da Assomasul e prefeito de Jateí, Eraldo Jorge Leite (PSDB), considera importante a participação dos representantes dos municípios no seminário, para que haja esclarecimento com relação ao que muda com o Fundeb, cuja emenda constitucional (nº 53/2006) que o originou foi promulgada em dezembro de 2006 para substituir o antigo Fundef (Fundo de Manutenção e Desenvolvimento do Ensino Fundamental e de Valorização do Magistério).

O prefeito de Terenos, Beto Pereira (PMDB), primeiro-secretário-geral da Assomasul, abrirá o seminário em lugar do presidente Eraldo Leite. De acordo com a programação, prevista para encerrar às 17h, serão debatidos vários temas durante o evento, entre os quais, o financiamento da Educação Básica (base legal, organização e funcionamento do Fundeb), Composição, Distribuição dos recursos e Complementação da União, Utilização dos Recursos, Controle Social (salário Educação), Implicações Orçamentárias (Ajustes do Fundeb, a LRF - Lei de Responsabilidade Fiscal - e o Fundeb).

 

 

 

Mídia Max

Deixe seu Comentário

Leia Também

CORTE CEGO
Megaoperação da PM em 18 bairros tem três mortos e cinco feridos
PERSISTÊNCIA
Ex-faxineiro se forma em Jornalismo e já está empregado
O QUE IMPORTA PARA VOCÊ?
Equipe médica leva paciente de UTI à formatura do filho
INDIGNAÇÃO
Pedreiro desafia Rodrigo Maia: 'Trabalhe 30 dias numa obra, que trabalho até os 80'
AMOR INCONDICIONAL
Cadela espera toda noite pela chegada de Boechat, diz mulher do jornalista
VIOLENCIA DOMESTICA
Reconstrução de rosto de mulher espancada na Barra vai durar seis meses, diz médico
REFORMA DA PREVIDÊNCIA
Aposentadoria é para viver, não para receber só à beira da morte
CHANTAGEM
Ladrões invadem estabelecimentos, obrigam funcionárias a tirarem a roupa, filmam e extorquem vítimas
FORAGIDO
Atirador invade escritório de advocacia e mata duas pessoas
BBB 19
Rízia chora por estar acorrentada: 'Vontade de desistir'