Menu
LIMIT ACADEMIA
terça, 22 de janeiro de 2019
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Sem-terra invadem fazenda Itamarati 2 em Ponta Porã

6 Out 2004 - 10h42
Pelo menos 1,5 mil famílias de trabalhadores rurais sem-terra invadiram na manhã de hoje a fazenda Itamarati 2, em Ponta Porã, na fronteira com o Paraguai. A área de 24,5 mil hectares, conforme o Ministério de Desenvolvimento Agrário, servirá para o assentamento de 2.048 famílias até o final deste ano. Conforme o coordenador do MST (Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem-Terra), Márcio Bissoli, a área foi ocupada por 500 famílias do MST e também por sem-terra ligados à Fetagri (Federação dos Trabalhadores na Agricultura), da CUT (Central Única dos Trabalhadores) e ex-funcionários da propriedade, que pertencia ao empresário Olacyr de Moraes, um dos maiores produtores de soja do país. A primeira parte do imóvel se transformou em assentamento em 2001 e abriga atualmente 1.143 famílias, numa área de 25 mil hectares.
Bissoli informou ao Campo Grande News, que os movimentos resolveram ocupar a área porque já foram esgotadas todas as negociações com o Incra (Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária). Os sem-terra são contra a proposta do Incra de ceder lotes de 3 hectares para as famílias e fazer lavoura coletiva no restante da área. Para Bissoli, o Incra não está respeitando o desejo e sonho de cada pessoa. Os sem-terra querem a mesma proposta da Itamarati 1, onde parte é coletiva e a parte individual chega a 8 hectares para cada família. Os sem-terra propõem a redução da área de irrigação e aumento dos lotes individuais. O ideal, conforme Marcio Bissoli, seria um assentamento para cada movimento com lote de 12 e 15 hectares. Ontem, a assessoria de imprensa do Incra informou que a proposta de loteamento não deve ser alterada.
 
Campo Grande News

Deixe seu Comentário

Leia Também

RENOVAÇÃO LICENÇA
Extinção de mais 130 rádios comunitárias no Brasil deve alcançar emissora de Ponta Porã
CENAS FORTES
Vídeo flagra mulher sendo agredida por ex-marido com socos e chutes
GUERRA NO RJ II
Parentes de mortos durante chacina em São Gonçalo e Itaboraí dizem que vítimas eram inocentes
GUERRA NO RJ
Chacina deixa pelo menos 7 mortos na Região Metropolitana do Rio
BBB 19
Famosos protestam contra Maycon por agredir animais e mãe o defende: 'Não é um monstro'
MORTE A ESCLARECER
Exército investiga morte de sargento após teste de aptidão física
CASO DE POLÍCIA
Rapaz morre em pátio de motel
MINISTRA DO MS NO GOVERNO BOLSONARO
Ministra Tereza Cristina garante fortalecer cadeia do leite e agricultura familiar
PROBLEMAS MENTAIS
Casal é brutalmente agredido a enxadadas pelo filho
BARRADO
Filho do cantor Marciano diz ter sido impedido de ir no velório do pai