Menu
SADER_FULL
domingo, 26 de maio de 2019
LIMIT ACADEMIA
Busca
AGÊNCIA BONITO THIAGO
Brasil

Sem marcar há 3 jogos, Palmeiras perde para o Guarani

29 Jul 2004 - 08h36
Sem balançar as redes rivais há três rodadas, o Palmeiras perdeu por 1 a 0 para o Guarani, nesta quarta-feira à noite, em Campinas, resultado que fez o rival sair da da zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro e tirou o time da capital do zona de classificação para a Libertadores-05.

O time do técnico Estevam Soares, que utilizou o sexto ataque diferente neste Nacional --estreou Renaldo--, passou em branco e quem fez a lição de casa foi o Guarani, que chegou aos 19 pontos ganhos.

Os palmeirenses, que não vencem há três jogos --além da derrota desta quarta, haviam empatado com o Figueirense (0 a 0) e perdido para o Paysandu (1 a 0)--, estão com 31 pontos e caíram da quarta para a quinta colocação. A última vitória foi contra o Grêmio (2 a 0), no dia 17 de julho.

Além disso, este foi o quarto jogo sem vitória do time do Parque Antarctica atuando fora dos seus domínios.

O jogo

O Palmeiras de Estevam Soares apostou as fichas na estréia do atacante Renaldo, que chegou ao clube confiante e entrou como titular, mas frustrou o treinador. O novo reforço começou o jogo ao lado de Rafael Marques, que saiu na etapa final para a entrada de Kahê.

Neste torneio, a formação de ataque mais utilizada foi Muñoz-Vágner, em nove escalações. Mas Estevam não pôde repetir a dupla: o colombiano foi operado do joelho e Vágner --artilheiro do time com oito gols-- foi negociado com o CSKA da Rússia (na terça ele foi se despedir de seus companheiros).

Outra esperança do técnico palmeirense para ajudar no ataque é a vinda de Osmar, do Santo André, que se apresenta na segunda.

Melhor para o Guarani, que vinha de semana turbulenta: trocou o técnico Zetti por Lori Sandri e afastou oito jogadores --dentre os quais o atacante Viola.

Depois de muitas chances desperdiçadas pelo ataque palmeirense na primeira etapa, os dois times foram para o vestiário sem movimentar o placar.

No segundo tempo, quando o treinador palmeirense ainda confiava no seu ataque, foi o Guarani que conseguiu marcar aos 7min, com Luiz Fernando, num chute da entrada da área que entrou no canto direito do goleiro Sérgio.

O Guarani passou a jogar recuado após o gol e segurou a igualdade até o apito final do juiz Edílson Pereira de Carvalho.
 
Folha Online

Deixe seu Comentário

Leia Também

BONITO - MS - VISITA ILUSTRE
Em Bonito (MS), Miss Brasil Júlia Horta destaca 'A energia daqui é inexplicável'
COISA DE DOIDO
Sucuri ataca bombeiro durante resgate em SP; assista!
OPORTUNIDADE DE EMPREGO
Governo dobra vagas de concurso da PF e convocações saem no fim do ano
FEMINICIDIO
Mulher é morta com 75 facadas pelo ex-marido após 25 anos de casamento
NEGLIGÊNCIA FUNCIONAL
'Peguei meu filho e achei que estivesse morto', diz mãe de criança dopada em creche
FÁTIMA DO SUL - O BOTICÁRIO
Confira o que tá na promoção que vai até este sábado no O Boticário em Fátima do Sul
BONITO - MS - DICA AGÊNCIA ECO TOUR
Visite Bonito (MS) na baixa temporada, saiba o porquê!
FÁTIMA DO SUL - TRATAMENTO COACH
De Nova Andradina, Vanessa recupera autoestima com tratamento 'Coach' Célia Tenório de Fátima do Sul
CASA BOCA SUJA
morador instala placas com palavrões nos muros de casa
MACABRO
Mulher é encontrada morta ao lado de uma oferenda