Menu
SADER_FULL
segunda, 27 de janeiro de 2020
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
BANNER BET
Brasil

Seleção vence Espanha e está na fase final da Liga

2 Jul 2004 - 17h54
 

A seleção brasileira masculina está classificada para a fase final da Liga Mundial de vôlei com três rodadas de antecipação. Nesta sexta-feira, a equipe dirigida por Bernardinho venceu a Espanha por 3 sets a 2, parciais de 25/20, 25/21, 23/25, 34/36 e 15/4, no ginásio Poliesportivo Pisuerga, em Valladolid, mantendo a invencibilidade na competição.

Na realidade, a equipe brasileira está há quase um ano sem perder. A última derrota foi para a Venezuela nas semifinais do Pan-Americano de Santo Domingo, no dia 13 de agosto de 2003. O placar foi de 3 a 2 para os venezuelanos. Com o resultado, o time chega a 18 pontos e, mesma que perca os três próximos jogos, somará 21 e não poderá mais ser alcançado na liderança do grupo A. A Grécia, em segundo com 12 pontos, pode chegar ao máximo de 20.

A fase final da competição será disputada de 16 a 18 de julho, em Roma, com mais três seleções. Agora, o Brasil volta à quadra às 7h30m (de Brasília) deste domingo para enfrentar novamente a Espanha, no mesmo local. O time ainda enfrenta Portugal nos dias 10 e 11. Atual campeão do torneio, o Brasil tem três títulos da Liga Mundial (1993, 2001 e 2003). Seleção abre 2 a 0 e Pascual comanda reação espanhola.

O Brasil começou bem e abriu 2 a 0 com facilidade. Mas o atacante Rafa Pascual, que estava machucado e voltou à equipe espanhola nesta sexta, comandou a reação da equipe, levando o jogo para o tie-break. No entanto, o time verde-amarelo acertou a mão no desempate e venceu com extrema facilidade. Superior no ínicio, a seleção não teve dificuldades para impor seu jogo e sair na frente.

Em apenas 22 minutos, a equipe fez 25 a 20, com bom trabalho de bloqueio e aproveitamento ofensivo. A seleção praticamente repetiu o desempenho no segundo set e fez 2 a 0, fechando em 25/21. No terceiro set, a seleção voltou desconcentrada e nem as broncas de Bernardinho surtiram efeito. O resultado é que a equipe perdeu por 25 a 23. Enquanto a Espanha contava com a boa atuação do atacante Rafa Pascual, o bloqueio brasileiro parou de funcionar. Com o jogo empatado em 23 a 23, Ricardinho sacou e conseguiu um ace.

O levantador serviu novamente muito bem e a bola veio de graça, mas Giba parou no bloqueio simples e desperdiçou o match-point. Depois, foi novamente em um erro de ataque do jogador que a Espanha fez 36 a 34 e empatou a partida em 2 a 2. No tie-break, o Brasil não deu chances aos adversários. O bloqueio voltou a funcionar e a equipe abriu logo 7 a 1, desnorteando os espanhóis. Tudo deu certo para o time de Bernardinho, que fechou em 15 a 4.

 

Globo Online

Deixe seu Comentário

Leia Também

TRAGÉDIA EM BH 38 MORTES
MG tem 47 cidades em emergência por causa da chuva; 38 morreram
TRAGÉDIA EM BH
Chuva forte provoca 30 mortes, transtornos e alagamentos na Grande BH
ATENTADO
Casa de deputado é atacada com pelo menos 30 tiros de fuzil
SUPERAÇÃO
Ser diagnosticado 5 vezes com câncer em 15 anos não foi capaz de parar campeão paralímpico
SUSTO
Palco de Gusttavo Lima pega fogo durante show em Pernambuco
É MUITO PLÁSTICO
Brasil produz mais de 11 milhões de toneladas de lixo plástico
CASOS RAROS
Duas crianças morrem em uma semana, após sofrer AVC, preocupa classe médica
REALITY SHOW 2020
Participante do BBB20, médica sugeriu que mataria Dilma “em seu plantão”
TRAGÉDIA NA FAMILIA
Três crianças morrem e uma mulher fica ferida durante incêndio em casarão
ESPORTE 2020
Opção de 'Cashout' atrai apostadores iniciantes