Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
sábado, 23 de fevereiro de 2019
LIMIT ACADEMIA
Busca
CANTINA BAH
Brasil

Seleção feminina de vôlei derrota o Japão no tie-break

18 Jun 2010 - 07h56Por Estadão

No primeiro teste para o Grand Prix, a seleção brasileira feminina de vôlei mostrou na noite desta quinta-feira que ainda tem muito a melhorar. Em amistoso disputado em Natal (RN), o time do técnico Zé Roberto chegou a abrir 2 sets a 0 de vantagem, mas viu o Japão reagir e só triunfou no tie-break, por 3 a 2 (25/21, 25/17, 15/25, 21/25 e 15/10), após 2h14 de jogo.

Para Zé Roberto, apesar da atuação abaixo do esperado, o amistoso valeu pelo teste. "Este foi o nosso primeiro jogo na temporada. Não fizemos uma boa apresentação. Erramos muito, principalmente na recepção. Mas o importante é ter um feedback da equipe após a primeira etapa de treinamentos. Vamos trabalhar para melhorar sempre", disse o treinador.

Na partida disputada no Ginásio Nélio Dias, o Brasil não pode contar com duas jogadoras importantes. Com uma lesão no pé esquerdo, a central Carol Gattaz nem viajou para Natal e permaneceu no Rio. Já a meio de rede Fabiana, capitã da equipe, sentiu dores no joelho direito e virou desfalque de última hora.

Preocupado com a lesão de Fabiana, Zé Roberto apontou a falta de concentração da seleção como determinante para a reação das japonesas. "Vencemos os dois primeiros sets e não conseguimos manter o ritmo. O time entrou para a terceira parcial um pouco desconcentrado e o Japão reagiu", comentou o técnico brasileiro.

Provavelmente sem Fabiana, o Brasil volta a enfrentar o Japão nesta sexta-feira, em mais um amistoso. A partida em Natal está marcada para as 21 horas (de Brasília).

Deixe seu Comentário

Leia Também

CORTE CEGO
Megaoperação da PM em 18 bairros tem três mortos e cinco feridos
PERSISTÊNCIA
Ex-faxineiro se forma em Jornalismo e já está empregado
O QUE IMPORTA PARA VOCÊ?
Equipe médica leva paciente de UTI à formatura do filho
INDIGNAÇÃO
Pedreiro desafia Rodrigo Maia: 'Trabalhe 30 dias numa obra, que trabalho até os 80'
AMOR INCONDICIONAL
Cadela espera toda noite pela chegada de Boechat, diz mulher do jornalista
VIOLENCIA DOMESTICA
Reconstrução de rosto de mulher espancada na Barra vai durar seis meses, diz médico
REFORMA DA PREVIDÊNCIA
Aposentadoria é para viver, não para receber só à beira da morte
CHANTAGEM
Ladrões invadem estabelecimentos, obrigam funcionárias a tirarem a roupa, filmam e extorquem vítimas
FORAGIDO
Atirador invade escritório de advocacia e mata duas pessoas
BBB 19
Rízia chora por estar acorrentada: 'Vontade de desistir'