Menu
SADER_FULL
quinta, 15 de novembro de 2018
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
SICREDI_FATIMA
Brasil

Seleção enfrenta a Bulgária pela fase final da Liga Mundial

11 Jul 2007 - 09h34

A seleção brasileira masculina de vôlei começa hoje contra a Bulgária a escalada rumo ao heptacampeonato da Liga Mundial justamente no mesmo palco do primeiro título conquistado na era Bernardinho.

A cidade de Katowice, na Polônia, sede da fase final neste ano, foi a mesma que viu, em 2001, o técnico estreante tornar-se campeão pela primeira vez no comando da seleção.

"Estamos muito felizes por estarmos aqui na Polônia por causa da paixão que os poloneses têm pelo vôlei", afirmou Bernardinho ontem. "Há uma grande expectativa em relação à nossa equipe e espero que nos apresentemos bem."

Se por um lado a cidade pode dar sorte ao Brasil, uma outra coincidência não será bem-vinda. Na estréia da fase final da Liga em 2006, a equipe de Bernardinho perdeu uma invencibilidade de mais de um ano justamente contra a Bulgária.

A repetição da derrota poderia complicar os planos do Brasil no grupo F, já que restaria apenas mais uma partida, contra a Rússia. Os dois primeiros da chave vão às semifinais.

"Sempre aprendemos com as derrotas. No ano passado não apresentamos o nosso melhor jogo e perdemos. Este ano, acredito que chegaremos mais bem preparados", analisa o ponteiro brasileiro Dante.

A Bulgária ainda deve contar com o retorno de Kaziyski, eleito o melhor jogador de vôlei da Europa de 2006. O atacante, de 2,02 m, foi poupado nos últimos jogos da primeira fase.

Isto, no entanto, não intimida o Brasil. "A Bulgária tem dificuldade para enfrentar um time que joga com rapidez. No entanto, para que consigamos a vitória, devemos ter paciência", diz o meio-de-rede Rodrigão.

Além de visar mais um título, Bernardinho pretende usar a fase final da competição para dar ritmo aos jogadores que disputarão o Pan. O técnico já havia afirmado que o torneio no Rio é a prioridade do calendário de sua equipe.

Na primeira fase da Liga, o técnico escalou novatos e deu férias aos veteranos. Estes retornaram à equipe no final de junho, quando o Brasil já havia praticamente garantido a vaga.

Desde então, a seleção treina unida na Europa e se prepara para a maratona de jogos que tem início hoje e deve se estender até o dia 28, caso o Brasil dispute o título do Pan, único que falta na coleção do técnico.

"Não fizemos uma boa preparação. A maioria dos nossos jogadores atua no exterior. Eles não tiveram muito tempo para voltar a se adaptar ao grupo", reconheceu o técnico.

No total, 15 jogadores estão inscritos, mas somente 12 irão ao Pan. Na lista entregue ao COB estão os levantadores Ricardinho e Marcelinho, os opostos André Nascimento e Anderson, os pontas Dante, Giba, Murilo e Samuel, o líbero Escadinha e os centrais Gustavo, André Heller e Rodrigão.

Além destes, Bernardinho levou à Polônia o levantador Bruninho, o líbero Alan e o meio-de-rede Eder.

Como de costume, Bernardinho deve fazer diversas substituições durante o jogo para evitar o desgaste. Nesta reta final rumo ao Pan, a seleção já perdeu Nalbert por contusão.

"Há uma forte pressão para que se coloque em quadra jogadores que todos conhecem, mas eles estão cansados. Além disso, há também uma pressão para que ganhemos sempre. Não se espera nada mais do vôlei do Brasil do que a medalha de ouro", disse Bernardinho.

NA TV - Brasil x Bulgária, Sportv, ao vivo, às 12h

 

 

 

Folha Online

Deixe seu Comentário

Leia Também

ENCONTRO DE GOVERNADORES
Em encontro de governadores com Bolsonaro, Reinaldo defende fronteira e reajuste da tabela SUS
VIOLENCIA DOMESTICA
Homem é esfaqueado por esposa que tem ciumes até da sombra
ENTROU ATIRANDO
VÍDEO: Pastor é baleado no altar durante o culto
TRAGEDIA
Ex-prefeito é morto pelo pai após ser confundido com assaltante
ACIDENTE DE TRANSITO
Caminhão passa por cima de veículos e explode em grave acidente
NOVELA GLOBAL
'O sétimo guardião': Marilda (Letícia Spiller) é flagrada nua e finge ser uma assombração
BNDS
“Se não abrir a caixa preta do BNDES, está fora!”, diz Bolsonaro sobre Levy
FAMOSIDADES
Susana Vieira está com leucemia, mas a doença está controlado, diz assessoria
NOVELA GLOBAL
Marina Ruy Barbosa é a heroína de 'O sétimo guardião': 'Luz foge do tradicional'
CONSTRANGIMENTO
Claudia Leitte quebra silêncio e desabafa sobre polêmica com Silvio Santos