SUCURI_MEGA
FatimaNews - Notícias de Fátima do Sul e região
Fátima do Sul, 22 de Outubro de 2017
DELPHOS_FULL
9 de Dezembro de 2004 14h35

Saúde participa de Conferência sobre Igualdade Racial

Será aberta às 19h30 a 1ª Conferência Estadual de Promoção da Igualdade Racial no teatro Almir Sater da Unaes, em Campo Grande. O evento tem por objetivo acelerar as políticas públicas ligadas à promoção da igualdade racial no Estado e terá presença da ministra da Secretaria Especial de Políticas de Promoção da Igualdade Racial, Matilde Ribeiro.

A Secretaria de Estado de Saúde estará representada no evento pela técnica Lucinda Pedrosa do Rosário, pedagoga que desenvolve trabalhos com as comunidades negras do Estado e da saúde do idoso. Lucinda explica que “as doenças que mais acometem a população negra do Estado são a hipertensão, a diabetes e a anemia falciforme. Estamos trabalhando ações para, no ano que vem, minimizar esses problemas. Um evento desse porte, com representantes de várias comunidades, irá nos auxiliar muito para direcionarmos nossas ações, conforme as reivindicações”.

O evento terá participação de 200 delegados, eleitos nas conferências municipais e regionais prévias, ocorridas no Interior e na Capital, representantes de diversos grupos étnicos raciais como negros, índios, japoneses, árabes islâmicos e brancos comprometidos com a promoção da igualdade racial.

A Secretaria de Estado de Saúde adianta a prévia das atividades a serem realizadas no Programa da População Negra para o ano de 2005

* Seminário estadual para os profissionais da área de saúde, educação e assistência social sobre as doenças específicas da população negra, tais como hipertensão, diabetes, obesidade, glaucoma, anemia/traços falciforme, anemias, reumatismo, osteoporose, manchas na pele, transtornos mentais, hepatite, quelóide, saúde bucal e outros.

* Capacitação dos profissionais da área de saúde, educação, esporte e lazer, assistência social etc., com ênfase à anemia falciforme.

A- Saúde: Exame pré-nupcial, pré-natal, aleitamento materno, alimentação saudável, controle de exames hematológicos, etc.
B -Educação: CEI (Centro de Educação Infantil), escolas (professores), esporte, lazer, assistência social, bombeiros, INSS (Insituto Nacional de Seguridade Social), Ministério do Trabalho e áreas com ações até o idoso.

* Capacitar os agentes comunitários de saúde (ACS) nas áreas quilombolas e comunidades negras, no acompanhamento dos pacientes nas unidades básicas de saúde (UBS) e hospitais de referência.

* Busca ativa aos portadores de traços/anemia falciforme em todos os municípios.

* Garantir medicamentos, consultas e exames nas UBS para falcêmicos e seus familiares;

* Acompanhar, através do Programa de Saúde da Família (PSF), as gestantes com síndrome hipertensivas.

* Identificar na população negra os pacientes com doenças crônico-degenerativas e os que estão em tratamento de vários tipos de câncer.

* Orientar sobre todas as campanhas de vacinação, desde a gestante até o idoso.

* Orientar a respeito do saneamento básico, higiene em geral, alimentação saudável desde o plantio até o consumo, incentivando o cultivo da horta caseira, escolar e comunitária.

* Palestras sobre todas as ações concernentes à saúde humana.

* Fornecer os endereços dos centros de referência e hospitais nas especialidades, em busca de tratamento.

* Dar todo o tipo de assistência da população médica à população carcerária.
 
 
Agência Popular
Comentários
Veja Também
Nossa_Lojas
FORTALEZA
FARMÁCIA_CENTROFARMA_300
Últimas Notícias
  
FARMÁCIA_CENTROFARMA_300
Eventos
dothCom © Copyright FatimaNews - Todos os Direitos Reservados.