Menu
PASSARELA
segunda, 25 de junho de 2018
SADER_FULL
Busca
DR. SHAPE
Brasil

Sarney descarta convocação extraordinária do Congresso

30 Jun 2004 - 14h39
O presidente do Senado Federal, José Sarney (PMDB-AP), disse hoje, após sessão solene do Congresso Nacional destinada à promulgação da Emenda Constitucional nº 44, de 2004, que altera a Cide (Contribuição de Intervenção no Domínio Econômico), que “não haverá convocação extraordinária do Congresso no mês de julho”.

Sarney disse que espera que o Congresso vote até o daí 8 de julho (quinta-feira da próxima semana) a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) para 2005. Sem essa decisão, o Congresso Nacional não poderá entrar no recesso parlamentar constitucional, entre 1º e 31 de julho. O senador espera que, até lá, também sejam votadas a Lei de Falências e o projeto das parcerias público-privadas (PPP), entre outras matérias.

Segundo Sarney, “é desejo dos senadores que o Congresso termine essa parte do ano com essas votações concluídas”. Com a votação da LDO somente no dia 8, o Congresso poderá realizar sessões sem necessidade de convocação extraordinária pelo presidente da República ou de auto-convocação pelo Congresso.

Sarney anunciou ainda que se reunirá com os líderes partidários para “organizar uma agenda de trabalho a fim de tentar limpar a pauta do plenário na próxima semana, com a realização de um esforço concentrado objetivo”.
Agência Brasil

Deixe seu Comentário

Leia Também

REVOLTANTE
O Brasil que escreve sua história com sangue de crianças
FINAL
Saiba qual será o final surpreendente de Apocalipse na Record
ENTRETENIMENTO - SAÚDE
Padre Fábio de Melo sofre da síndrome do pânico e fala como administra a doença
NOVELA GLOBAL
'Segundo Sol': Laureta revela para a família de Rosa que ela é prostituta
GOVENO NÃO CUMPRE
Caminhoneiros anunciam nova paralisação, mas trabalhadores de MS não devem participar
RAIVA HUMANA
Morte de turista por raiva humana é confirmada em Ubatuba
NOVELA GLOBAL
Valentim sofre grave acidente de carro
INACEITAVEL
Mãe de jovem morto no Rio: “É um Estado doente que mata criança com roupa de escola”
HAJA CORAÇÃO
Neymar é o autor do gol mais tardio, em tempo normal, de uma Copa na história
COPA DO MUNDO
No sufoco, Brasil supera a Costa Rica e consegue primeira vitória na Copa do Mundo