TASS_MOTORS
FatimaNews - Notícias de Fátima do Sul e região
Fátima do Sul, 15 de Dezembro de 2017
DELPHOS_FULL
RIO_DOURADOS
17 de Agosto de 2004 16h39

Sarney apóia decisão do governo sobre BC

O presidente do Senado, José Sarney, disse, nesta terça-feira (17), em entrevista, que aprova a decisão do governo de dar status de ministro ao presidente do Banco Central. Para ele, a medida é justa, pois já existem outros cargos similares que também têm status de ministro, tais como o advogado-geral da União e o presidente do Conselho de Transparência Pública e Combate à Corrupção, órgão colegiado vinculado à Controladoria Geral da União. Além disso, observou, o presidente do BC tem importantes atribuições no país.

- Nada mais justo, uma vez que nós já temos nessa situação o advogado geral da União e o ministro do Controle e da Transparência. O presidente do Banco Central, que tem atribuições tão grandes e importantes para o país, deve ter  status de ministro - disse.

Sarney disse não estranhar que a iniciativa tenha sido tomada por medida provisória em vez de projeto de lei: “assim têm sido com todas as outras reformas de nível administrativo, é a fórmula que o governo encontra, acho que é adequada”. O senador lembrou que o Congresso está em fase de atividade reduzida por conta do período eleitoral, e o governo tem urgência de resolver o assunto, o que justifica a edição da MP.

O presidente do Senado também concordou com a medida tomada pelo relator da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) Mista do Banestado, deputado José Mentor (PT-SP), que mandou lacrar os documentos sigilosos em poder do colegiado.

- Acho que é uma boa providência, um passo no sentido de colocar a CPI dentro dos canais competentes, de modo que as águas voltem ao seu leito – disse Sarney.

 

Agência Senado

Comentários
Veja Também
FORTALEZA
pupa
LIMIT ACADEMIA_BOTTON
Últimas Notícias
  
LÉO_GÁS_300
Eventos
dothCom © Copyright FatimaNews - Todos os Direitos Reservados.