Menu
SADER_FULL
quarta, 18 de julho de 2018
PASSARELA
Busca
DR. SHAPE
Brasil

São Paulo aplica a maior goleada do Brasileiro

29 Set 2004 - 07h00

O São Paulo conseguiu a maior goleada do Campeonato Brasileiro sobre o Paysandu, na noite desta terça-feira, no Morumbi, por 7 a 0, e voltou a sonhar com uma vaga na Libertadores.

O time do Morumbi subiu para 53 pontos, enquanto os paraenses continuaram com 42. A equipe tricolor, neste ano, não havia feito mais do que quatro gols em nenhuma partida.

O São Paulo começou o jogo cauteloso. Afinal enfrentava o time que estava fazendo a quarta melhor campanha do returno e que só havia perdido uma única partida nessa fase (contra o Atlético-PR).

Mas quando sentiu que o bicho não era tão feio como havia sindo pintado, o time tricolor paulista resolveu sair para o jogo. E depois de arriscar por quatro vezes de fora da área, acabou marcando novamente com Cicinho.

O lateral, que já havia feito gols contra o São Caetano (pela Copa Sul-Americana) e Grêmio (Brasileiro), disputou uma bola na área, conseguiu fazer o giro sobre o zagueiro Alex Pinho e bateu cruzado para vencer o goleiro Paulo Musse. Eram 30 minutos de jogo.

O gol despertou a pequena torcida tricolor e o time paulista. Aproveitando o embalo, quatro minutos mais tarde Grafite fez boa jogada pela esquerda e deu ótima assistência para Nildo.

O atacante, livre na área, só teve o trabalho de rolar para as redes e anotar seu primeiro gol com a camisa são-paulina.

No segundo tempo, o São Paulo voltou com o mesmo ritmo. E logo aos 8min, Grafite aumentou. Ele deu um drible em Alex Pinho e na saída de Paulo Musse só deu um leve toque e encobriu o goleiro paraense.

Seis minutos depois, Grafite fez, novamente, uma linda jogada. Deu passe para Cicinho, que driblou o zagueiro e bateu no contrapé do goleiro do Paysandu. Era o quarto gol tricolor na partida.

Mas não parou. Aos 27min, após falha da zaga do Paysandu, Grafite chutou cruzado e fez o quinto.

Aos 31min, Souza, que havia entrado no lugar de Danilo, deu um drible desconcertante no volante Bebeto Campos e chutou na saída de Paulo Musse: 6 a 0.

Aos 36min, Grafite desceu pela direita e chutou forte. O goleiro Paulo Musse espalmou e Jean, que vinha na corrida, bateu forte para o fundo das redes. Era o sétimo gol e a maior goleada do Campeonato Brasileiro concretizada.

 

Terra

Deixe seu Comentário

Leia Também

AGORA EM DOURADOS - MS
UNIPAR EAD com cursos de Educação Física, Letras, Marketing e mais 22 cursos, Confira todos aqui
TRAGEDIA
Acidente chocante em Foz: casal morre na hora em batida
NOVELA GLOBAL
Aliada de Laureta, Rosa se vinga do pai e o humilha no restaurante em ‘Segundo sol’
GRANA
Governo antecipa primeira parcela do 13º de aposentados e pensionistas
NOVELA GLOBAL
'Segundo sol': Severo é preso e humilha Roberval
FUTEBOL PELO MUNDO
Real Madrid se recusa a permitir que Vinícius Júnior permaneça no Flamengo até o final de 2018
NOVELA GLOBAL
'Segundo sol': Luzia descobre que seu filho com Beto não morreu
CONCURSOS - OPORTUNIDADES
Concurso: 13 órgãos abrem as inscrições para 1,9 mil vagas nesta segunda
FOI SALVAR O MELHOR AMIGO
Jovem morre afogado após pular em rio para tentar salvar cachorro
EDUCAÇÃO - FIES - INSCRIÇÕES
Fies abre inscrições nesta segunda com 155 mil vagas para 2º semestre