Menu
SADER_FULL
domingo, 20 de outubro de 2019
CÂMARA BONITO OUTUBRO 2019
Busca
DENTAL ART
Brasil

São Caetano surpreende Santos e vence no Morumbi

30 Abr 2007 - 08h13

O São Caetano voltou a surpreender no Paulista. Após eliminar o São Paulo nas semifinais, o time saiu na frente na decisão do Estadual ao derrotar o Santos por 2 a 0, neste domingo, no Morumbi.

Mesmo com a derrota, o foco do Santos nessa semana será outro, já que o time enfrenta o Caracas, nesta quarta, na Venezuela, pela Libertadores.

Santos e São Caetano voltam a se enfrentar no próximo domingo, novamente no Morumbi. Em vantagem, o time do ABC pode até perder o jogo por 1 a 0 que assegura seu segundo título Estadual.

Ao Santos, dono da melhor campanha na fase classificatória, resta apenas vencer a partida de volta por dois gols ou mais.

O Santos começou a partida pressionando a saída de bola do adversário. Já o São Caetano tocava a bola e ficava à espera de um contra-ataque para surpreender o time praiano.

E o lance veio aos 8min, quando Thiago deu chutão para frente, Luiz Henrique apareceu sozinho atrás da zaga do Santos, invadiu a área e bateu na saída de Fábio Costa para abrir o marcador.

O gol estremeceu o Santos, que viu o São Caetano ir para cima em busca do segundo, criando jogadas com o meia Douglas. Após segurar o ímpeto do rival, o time alvinegro passou a ter o domínio das ações.

Apesar de ter mais posse de bola, o Santos sofria com as investidas do São Caetano. Em dois erros de Kléber, o time do ABC paulista armou o contra-ataques e chegou com perigo à meta de Fábio Costa.

Apesar de ter desperdiçado os lances, o São Caetano se manteve seguro na defesa, impedindo que o Santos chegasse com perigo ao gol de Luiz e mantendo a vantagem até o final do primeiro tempo.

A melhor chance do Santos na etapa inicial aconteceu aos 44min, quando Zé Roberto recebeu livre no lado direito do campo e invadiu a área, mas chutou fraco para fácil defesa Luiz.

Insatisfeito, o técnico Vanderlei Luxemburgo resolveu mudar o time no intervalo, sacando Dênis e Rodrigo Tabata para as entradas de Pedrinho e Jonas, respectivamente.

Com a mudança, o volante Maldonado passou a ocupar a lateral direta. A intenção de Luxemburgo era fazer com que o Santos jogasse pelas pontas, principalmente com Pedrinho e Marcos Aurélio.

Mesmo com as alterações, quem chegou primeiro com perigo ao gol adversário na etapa final foi o São Caetano. Aos 3min, Galiardo fez linda jogada e deixou Antônio Carlos no chão, mas chutou mal.

O Santos respondeu aos 6min, quando Kléber recebeu livre na ponta esquerda e cruzou para Jonas. O atacante recebeu a bola sem marcação, dentro da área, e cabeceou para grande defesa de Luiz.

O lance empolgou o Santos, que passou a atacar mais que no segundo tempo. Já o São Caetano começa a etapa final errando muitos passes e animando a torcida do time praiano com seus erros.

Pressionando bastante, o Santos quase empatou o jogo aos 25min. Após bela troca de passes entre os jogadores alvinegros, Rodrigo Souto chutou da entrada da área e a bola passou perto da trave direita de Luiz.

Apesar disso, o Santos levou um susto aos 26min, quando Luiz Henrique recebeu de Somália na área e frente a frente com Fábio Costa. O atacante chutou, mas o goleiro santista fez bela defesa.

A partir daí, o retrato do jogo permaneceu o mesmo, com o Santos pressionando bastante no campo de ataque e o São Caetano apostando nos contra-ataques.

E foi em um deles que o time azul garantiu a vitória, aos 37min, após Fábio Costa derrubar Marcelinho dentro da área. Na cobrança do pênalti, Somália aumentou a vantagem e deixou o São Caetano mais perto do título.

 

 

Terra Redação

Deixe seu Comentário

Leia Também

ASSASSINATO
Mulher desaparecida foi encontrada enterrada com braço para fora em canavial
TRAGEDIA NA RODOVIA
Violenta colisão entre caminhões mata os dois motoristas
ACIDENTE EM RIO
Barco com seis pessoas vira no Rio. Duas estão desaparecidas
TRISTEZA
Populares encontram corpo de criança desaparecida dentro de córrego
REFORMA DA PREVIDÊNCIA
Reforma da Previdência dos militares pode aumentar salários em até 75%
CENTENÁRIO
Aos 92 anos, Cid Moreira participa de festa pelo centenário de Orlando Drummond
POLEMICA
Sobrinho-neto do pastor Malafaia diz que família o mandou para cura gay: 'Um terror psicológico'
DOENÇA DO SÉCULO
Nego do Borel passa a limpo polêmicas em que se envolveu: Deus não me deixou entrar em depressão
MS FORTE
MS sobe duas posições no Ranking da Competitividade e é 2º em crescimento no cenário nacional
NOVELA GLOBAL
A Dona do Pedaço: Maria da Paz dá rasteira em Fabiana