Menu
SADER_FULL
sexta, 14 de dezembro de 2018
LIMIT ACADEMIA
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Santos não resiste e vende Diego ao Porto

28 Jul 2004 - 07h28
 A venda do meia santista Diego para o Porto será anunciada oficialmente nesta quarta-feira em São Paulo. Nesta terça, dirigentes dos dois clubes passaram a tarde discutindo a transação. O acordo aconteceu quando o clube português aumentou sua oferta pelo jogador em 1 milhão de euros e o Santos concordou em cedê-lo por 8 milhões de euros (cerca de R$ 29,6 milhões). A negociação ainda está pendente de um acordo sobre a forma como o Santos vai receber sua parte, mas dificilmente haverá retrocesso. O contrato do meia com o time português será de 4 anos e ele vai receber US$ 150 mil (R$ 450 mil) mensais.

Inicialmente, o presidente Marcelo Teixeira queria receber à vista a parte do Santos, mas os portugueses propuseram cinco parcelas. À noite, os santistas fizeram nova proposta: três parcelas, sendo a primeira de 1 milhão de euros (cerca de R$ 3,7 milhões) imediatamente e as outras duas de 1,5 milhão de euros (R$ 5,55 milhões), em dezembro deste ano e em março de 2005, respectivamente.

O presidente do Santos ainda tentou cobrir a proposta do Porto e ficar com a outra metade dos direitos federativos do atleta, mas Diego e seu pai, Djair Cunha, se mantiveram firmes na decisão de o jogador se transferir para a Europa. Teixeira deixou o local às 14 horas, bastante irritado. Djair Cunha comentou, no final da tarde: “Não é que o presidente Marcelo Teixeira queira ou não; chegou o momento.”

Há um ano o Tottenham propôs US$ 12 milhões – cerca de R$ 36 milhões – pelo jogador. Teixeira não aceitou e fez acordo para a prorrogação do contrato. O pai do meia teve sua participação nos direitos federativos elevada de 40% para 50%. Se Diego tivesse sido vendido naquela oportunidade, o clube ficaria com US$ 7,2 milhões (R$ 21,6 milhões), bem mais que os US$ 4,8 milhões (R$ 14,4 milhões) que receberá agora.

Diego deixou a reunião sem falar com os jornalistas, como fizera pela manhã, quando se apresentou no CT Rei Pelé. Passou cerca de 15 minutos conversando com os colegas, como sempre brincou com o amigo Robinho e depois passou mais 20 minutos em reunião com Vanderlei Luxemburgo. “Se fosse eu, com 19 anos e jogador de seleção que busca espaço, investiria mais no futebol brasileiro”, disse Luxemburgo, que definiu Elano como o substituto de Diego. Nesta quinta, contra o Coritiba, às 20h30, na Vila Belmiro.

 

 

Estadão

Deixe seu Comentário

Leia Também

JUSTIÇA - WHATSAPP
Administradora de grupo no WhatsApp, foi “condenada” á pagar 3 mil por discussão de membros
DICAS DE SERVIÇO DE HOSPEDAGEM NA WEB
Vai criar um blog ou um site?, saiba aqui tudo sobre o serviço de hospedagem
ALERTA NA NET
Golpe no WhatsApp engana usuários ao prometer brindes falsos de Natal
NOVELA GLOBAL
'O sétimo guardião': Luz passa mal ao abraçar e beijar a mãe pela primeira vez
FURACÃO
Atlético-PR ganha nos penaltis e é campeão da Sul-Americana
PROVAS ROBUSTAS
PF apreende R$ 2 milhões em busca em endereços de Aécio e aliados de Temer
INCREDIBILIDADE
Um Governo ficha-suja: mais da metade dos ministros estão enrolados
NOVELA GLOBAL
'O sétimo guardião': Aranha descobre marca de pata de gato de Gabriel, tira foto e conta aos guardiã
SUSTO
Celular pega fogo no bolso da calça e deixa homem com queimaduras na perna e mãos
PROCURADO
Com prisão decretada desde setembro, Dado Dolabella é considerado foragido da Justiça