Menu
LIMIT ACADEMIA
sábado, 23 de fevereiro de 2019
SADER_FULL
Busca
CONTAINER
Brasil

Santos goleia o Criciúma e retoma a liderança do Brasileiro

21 Jul 2004 - 07h25
Sem demonstrar trauma pela derrota por 1 a 0 para o Fluminense, como pregou o técnico Vanderlei Luxemburgo, o Santos goleou na noite desta terça-feira o Criciúma por 5 a 2, na Vila Belmiro, e retomou a liderança do Campeonato Brasileiro.

Com o resultado, o time chegou a 31 pontos e ultrapassou o Palmeiras, que foi derrotado pelo Paysandu, em Belém, por 1 a 0, e continua com 30. O Criciúma permanece com 22 pontos.

De quebra, os santistas ainda tomaram dos palmeirenses o status de melhor ataque da competição. O clube da Baixada tem agora 34 gols marcados, contra 30 do rival.

"Estamos dando continuidade ao que vínhamos fazendo. Tivemos uma derrota, mas foi normal. O importante foi a concentração e a consciência da equipe", disse o meia santista Ricardinho.

Antes da derrota para o Fluminense, o time da Baixada vinha de uma seqüência de oito vitórias, o que havia levado o time à liderança da competição pela primeira vez. Após perder no Rio, o time havia sido ultrapassado pelo Palmeiras.

Robinho melhor jogador do Santos no primeiro tempo, abriu o placar. Aos 27min, ele dominou pela esquerda e tocou para Deivid na área. O atacante devolveu a bola para o parceiro, que chutou rasteiro para vazar Fernando.

Mas não era só na hora de concluir que Robinho se destacava. Aos 37min, ele tocou a bola para Elano marcar o segundo.

Aos 41min, o time catarinense diminuiu. Reinaldo invadiu a área e chutou cruzado para vencer Tapia, que nem tentou pular.

No final do primeiro tempo, a chuva chegou forte, e, assim como fizeram na derrota para o Fluminense no último sábado, os santistas reclamaram da situação meteorológica e do gramado.

O tempo melhorou no início da segunda etapa, mas foi o Criciúma quem voltou melhor. Aos 11min, Paulo César, que havia acabado de entrar em campo, foi até a linha de fundo e cruzou para Geninho, que livre chutou forte para empatar.

Mas os catarinenses não eram capazes de segurar Robinho. Aos 23min, o lateral Paulo César foi à linha de fundo e cruzou rasteiro, Deivid desviou e a bola sobrou limpa para o artilheiro da noite fazer seu segundo gol na noite.

Em um lance de bola parada o Santos marcou o quarto. Aos 32min, Ricardinho cobrou falta pelo lado direito do ataque santista para Deivid, que marcou de cabeça.

Depois da assistência, o meia ainda teve forças para fechar o placar, aos 46min, depois de cortar um rival e bater no canto do goleiro Fernando.

O Santos volta a campo no próximo sábado, quando pega o Goiás fora de casa. Elano e Preto Casagrande, que saíram machucados ontem, podem desfalcar a equipe do litoral paulista. No mesmo dia, o Criciúma recebe o Atlético-PR no seu estádio.
 
Folha Online

Deixe seu Comentário

Leia Também

CORTE CEGO
Megaoperação da PM em 18 bairros tem três mortos e cinco feridos
PERSISTÊNCIA
Ex-faxineiro se forma em Jornalismo e já está empregado
O QUE IMPORTA PARA VOCÊ?
Equipe médica leva paciente de UTI à formatura do filho
INDIGNAÇÃO
Pedreiro desafia Rodrigo Maia: 'Trabalhe 30 dias numa obra, que trabalho até os 80'
AMOR INCONDICIONAL
Cadela espera toda noite pela chegada de Boechat, diz mulher do jornalista
VIOLENCIA DOMESTICA
Reconstrução de rosto de mulher espancada na Barra vai durar seis meses, diz médico
REFORMA DA PREVIDÊNCIA
Aposentadoria é para viver, não para receber só à beira da morte
CHANTAGEM
Ladrões invadem estabelecimentos, obrigam funcionárias a tirarem a roupa, filmam e extorquem vítimas
FORAGIDO
Atirador invade escritório de advocacia e mata duas pessoas
BBB 19
Rízia chora por estar acorrentada: 'Vontade de desistir'