Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
sábado, 20 de abril de 2019
SADER_FULL
Busca
AGÊNCIA BONITO THIAGO
Brasil

Santander quer crédito agrícola antecipado

27 Mai 2010 - 14h56Por Folha

A realidade da produção agrícola no Brasil vem mudando, com maior diversidade de produtos e incorporação de novas regiões de plantio, onde as condições climáticas e operacionais divergem das tradicionais. Diante dessas novas exigências do mercado, Walmir Fernandes Segatto, superintende da área de agronegócio do banco Santander, vê necessidade de adaptações na política agrícola brasileira. Essas adaptações devem ser não só de épocas, mas de limites de exigibilidades, diz ele.

A definição das regras apenas a partir de junho encurta o prazo dos produtores na preparação do plantio. Em muitos casos, eles começam a programar o plantio de verão logo nos primeiros meses do ano e buscam as melhores chances de comprar insumos para reduzir custos. Seria necessário, segundo Segatto, que o produtor já tivesse recursos e metas de políticas agrícolas definidas para aproveitar o melhor momento do mercado.

Deixe seu Comentário

Leia Também

BONITO - MS - DICA AGÊNCIA ECO TOUR
Confira agora os 5 passeios mais românticos de Bonito (MS)
EM ÁUDIO VAZADO
Em áudio, Onyx diz que governo deu 'uma trava na Petrobras', caminhoneiros podem ficar sossegados
EMOÇÃO E RECOMEÇO
Mãe e filho se reencontram em hospital após desabamento de prédios
ACIDENTE FATAL
Três morrem em explosão provocada por vazamento de botijão de gás
NOVA PARALISAÇÃO
Ala dividida de caminhoneiros falam em greve no próximo dia 29 em todo o Brasil
CAMPO BELO RESORT - PARAÍSO É AQUI
Com noite Árabe e Italiana, PACOTE do dia 03 a 05 de maio já disponível para o Campo Belo Resort
NEGLIGÊNCIA FUNCIONAL
Menino de 12 anos foge de casa, burla esquema de segurança e embarca em avião
DEU RUIM
Vítima reage e mata assaltante que tentava roubar camioneta em Toledo – ASSISTA VÍDEO
PAI MONSTRO
Pai é preso suspeito de estuprar e engravidar a filha de 11 anos
15 METROS DE ALTURA
MILAGRE – Menina de um ano que caiu do 4º andar de prédio não sofreu nenhuma fratura